sicnot

Perfil

Mundo

Primeiro-ministro romeno formalmente acusado de fraude

O primeiro-ministro da Roménia, o social-democrata Victor Ponta, foi hoje formalmente acusado de fraude, evasão fiscal e branqueamento de capitais, divulgou a procuradoria anticorrupção do país (DNA). 

© Stringer Shanghai / Reuters

Os procuradores referiram que a investigação remonta à época em que o primeiro-ministro era advogado. Segundo ainda os procuradores, foram bloqueados uma parte dos bens de Ponta para, se for o caso, ressarcir o Estado pelos danos sofridos.

Ponta, de 42 anos, esteve esta manhã na sede do DNA para ser ouvido pelos procuradores.

Segundo fontes judiciárias, o primeiro-ministro recusou responder as questões dos procuradores, afirmando que espera as conclusões de um especialista em contabilidade financeira, exigido pela justiça.

O primeiro-ministro foi acusado de "17 infrações de fraude, cumplicidade de evasão fiscal e de branqueamento de capitais" por fatos que remontam entre 2007 e 2011.

Os procuradores acusam-no de receber o equivalente a 55 mil euros de Dan Sova, este também advogado, com o qual assinaria um contrato de colaboração.

Para justificar esta soma, recebeu várias tranches mensais, tendo em 2011 emitido 17 faturas falsas atestando que havia trabalhado para o gabinete de advogados de Sova.

Victor Ponta foi investigado também por conflito de interesses no exercício das suas funções de primeiro-ministro por ter nomeado Dan Sova como ministro duas vezes, em 2012 e 2014.

Entretanto, o DNA não conseguiu lançar um processo neste aspeto, isso porque o parlamento, dominado pela coligação de esquerda de Ponta, recusou-se levantar a imunidade do primeiro-ministro.

No domingo, Victor Ponta já havia renunciado à liderança do seu partido (PSD).

Lusa

  • Não houve negligência médica no caso do jovem que morreu em São José
    2:33

    País

    Afinal, não houve negligência médica no caso do jovem que morreu há cerca de um ano no Hospital de São José, vítima de um aneurisma. Esta é a conclusão da Ordem dos Médicos e dos peritos do Instituto de Medicina Legal. Segundo o jornal Expresso, todos os relatórios relatórios pedidos pelo Ministério Público e pelo Centro Hospitalar de Lisboa Central dizem que o corpo clínico do hospital não teve responsabilidades na morte de David Duarte.

  • Jovens estariam de fones e poderão não ter ouvido comboio a aproximar-se
    1:47

    País

    As adolescentes, de 13 e 14 anos, encontradas mortas junto à linha do norte perto de Coimbra podem não ter ouvido a aproximação do comboio, uma vez que estariam de auriculares. Os corpos só foram descobertos 36 horas depois do desaparecimento das jovens, aparentemente vítimas de um descuido fatal.

  • Patti Smith engana-se na música de Bob Dylan durante cerimónia dos Nobel
    1:49

    Mundo

    Os prémios Nobel deste ano já foram entregues. Bob Dylan não compareceu à entrega do galardão da Literatura e fez-se representar pela amiga Patti Smith, que teve um bloqueio enquanto cantava "A Hard Rain's A-Gonna Fall" do músico. O Presidente da Colômbia Juan Manuel dos Santos foi distinguido com o Nobel da paz pelo acordo que alcançou com as Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia.

  • CIA acredita que Trump foi ajudado por piratas informáticos russos
    1:24

    Eleições EUA 2016

    As eleições nos Estados Unidos da América já terminaram e o Presidente está eleito. Contudo, Barack Obama quer saber se os russos tentaram mesmo influenciar o voto e ao mesmo tempo perceber o que os serviços secretos aprenderam com todas as fugas de informação durante a campanha. Já a CIA diz não ter dúvidas: para os serviços secretos norte-americanos, Donald Trump foi ajudado por piratas informáticos.