sicnot

Perfil

Mundo

3,5 milhões de euros de recompensa por "El Chapo"

As autoridades mexicanas oferecem cerca de 3,5 milhões de euros a quem fornecer informações que levem à captura de Joaquín Guzman, um dos maiores narcotraficantes do continente americano.

© STRINGER Mexico / Reuters

Esta é a segunda vez que "El Chapo", como é conhecido, foge da cadeia nos últimos 14 anos.

Três funcionários da prisão de alta de segurança onde se encontrava foram detidos, incluindo o diretor do estabelecimento, são suspeitos de terem facilitado a fuga.

As autoridades mexicanas disponibilizaram ainda uma linha telefónica gratuita para a comunicação de informações que possam conduzir ao homem mais procurado do México.

  • Uma viagem à vida do maior traficante de droga do mundo
    5:43

    Mundo

    A portuguesa Mariana Van Zeller, ex-jornalista da SIC, visitou o sub-mundo de El Chapo numa investigação para o canal National Geographic. Prestes a estrear uma nova serie documental intitulada "Infiltrados nos Estados Unidos", a repórter conheceu bem de perto a vida do maior traficante de droga do mundo. El Chapo foi entretanto detido este fim de semana, 13 anos depois de ter fugido da prisão.

  • Autoridades mexicanas procuram "El Chapo"
    2:46

    Mundo

    Está montada uma verdadeira caça ao homem no México. Joaquin "El Chapo" Guzaman é considerado o maior traficante de droga do mundo. Conseguiu escapar de uma prisão de alta segurança através de um túnel com mais de um quilómetro e meio. As autoridades temem que já tenha fugido do país.

  • Obama diz que Guterres "tem uma reputação extraordinária"
    1:38

    Mundo

    António Guterres diz que vai trabalhar com Barack Obama e também com Donald Trump, na reforma das Nações Unidas. O futuro secretário-geral da ONU foi recebido por Obama, na Casa Branca, onde recebeu vários elogios do presidente norte-americano.

  • Mãe do guarda-redes da Chapecoense comove o Brasil
    1:37
  • Dezenas de mortos em bombardeamentos do Daesh em Mossul

    Daesh

    Dezenas de civis, entre os quais várias crianças, morreram e outros ficaram feridos em ataques de morteiro efetuados pelo grupo extremista Daesh em Mossul, disse à agência Efe o vice-comandante das forças antiterroristas iraquianas.

  • Morreu o palhaço que fazia rir as crianças de Alepo

    Mundo

    Anas al-Basha, mais conhecido como o Palhaço de Alepo, morreu esta terça-feira durante um bombardeamento aéreo na zona dominada pelos rebeldes. O funcionário público mascarava-se de palhaço para ajudar a trazer algum conforto e alegria às crianças sírias, que vivem no meio de uma guerra civil.

  • Tribunal chinês iliba jovem executado há 21 anos

    Mundo

    Nie Shubin foi fuzilado em 1995, na altura com 20 anos, depois de ter sido condenado por violação e assassinato de uma mulher, na cidade de Shijiazhuang. Agora, a justiça chinesa vem dizer que, afinal, o jovem era inocente, uma vez que não foram encontradas provas suficientes para o condenar.