sicnot

Perfil

Mundo

Polícia brasileira faz buscas na casa do ex-Presidente Collor de Mello

A Polícia Federal brasileira realizou hoje buscas nas casas do senador e ex-Presidente Fernando Collor de Mello (Partido Trabalhista Brasileiro), de ex-ministros e de outros políticos no âmbito da investigação sobre crimes na Petrobras.

© Ueslei Marcelino / Reuters

A operação, denominada de "Politeia", é um desdobramento da Operação Lava Jato, e incluiu 53 mandados de busca e apreensão em residências e escritórios de políticos suspeitos de corrupção na petroleira brasileira, segundo a imprensa brasileira.

Nas casas de Collor de Mello em Brasília e Alagoas, foram apreendidos três carros de luxo: uma Ferrari, um Porsche e um Lamborghini. A residência na capital federal, chamada de Casa da Dinda, foi usada pelo político como residência oficial da Presidência quando ocupou o cargo.

Collor de Mello foi eleito Presidente em 1989, mas, após ser suspeito em um escândalo de corrupção e tentar sustentar um Governo sem apoio político, foi destituído a 29 de setembro de 1992.

O político foi absolvido das acusações, cumpriu um período de oito anos de inelegibilidade, e voltou a ser eleito em 2006, como senador.

Outros políticos investigados pela operação são os ex-ministros do Governo de Dilma Rousseff Fernando Bezerra Coelho (Partido Socialista Brasileiro) e Mário Negromonte (Partido Progressista - PP), o senador Ciro Nogueira (PP), o deputado federal Eduardo da Fonte (PP) e o ex-deputado João Pizzolati (PP), mas não houve prisões.

Todos os investigados nessa operação negaram envolvimento com o esquema de corrupção e criticaram a ação da Polícia Federal, segundo a imprensa local.

Collor de Mello manifestou-se através da rede social Twitter, afirmando que a medida foi "invasiva, arbitrária e flagrantemente desnecessária".

O advogado de Ciro Nogueira, Antonio Carlos de Almeida Castro, afirmou ao portal de notícias G1 que a busca foi "abusiva" e que o senador já colocou à disposição da Justiça a sua informação fiscal, bancária e telefónica.

Lusa

  • Coreia do Norte lança novo míssil balístico

    Mundo

    O Pentágono detetou esta sexta-feira mais um lançamento de um míssil balístico por parte da Coreia do Norte. O primeiro-ministro japonês já confirmou o lançamento, que terá atingido a zona económica exclusiva, no Mar do Japão.

  • Menino perdido na Praia da Luz foi levado à GNR por turista
    1:11

    País

    Um menino inglês, de sete anos, esteve desaparecido na quinta-feira na Praia da Luz, no Algarve, depois de se ter perdido dos pais. A GNR colocou duas equipas de investigação no local, mas ao fim de uma hora e meia o rapaz apareceu na esquadra de Lagos acompanhado por um turista a quem terá pedido ajuda.

  • Mais viagens mas menos turistas de Portugal
    1:22

    País

    Os residentes em Portugal - sejam portugueses ou estrangeiros - realizaram quatro milhões de viagens turísticas, só no primeiro trimestre do ano. Um aumento de mais de 6% nas viagens dentro do país face ao período homólogo e de mais de 15% nas viagens para fora, de avião. O estudo é do INE, o Instituto Nacional de Estatística, que permite fazer o retrato mais claro de quem viaja e porquê.

  • Algarve sozinho gera metade dos bens transacionáveis em Portugal
    4:14

    SIC 25 Anos

    O Algarve quase não tem indústria e os especialistas consideram que é excessivamente dependente do turismo. Ainda assim, sozinho contribui com metade do que Portugal gera em bens transacionáveis. A região tem problemas graves, como a falta de médicos e um custo de vida muito alto, mas continua a atrair a maior parte dos turistas e muitos estrangeiros decidem mesmo escolher a região para viver.