sicnot

Perfil

Mundo

Onda de calor chega ao Japão e mata 5 pessoas

Cinco pessoas morreram e mais de 3.000 outras tiveram que ser hospitalizadas no Japão devido a uma onda de calor que tem afetado o país na última semana, informaram hoje os 'media' locais.

© Yuya Shino / Reuters

A onda de calor tem sido registada em grande parte do arquipélago, tendo a temperatura superado os 39 graus centígrados em Gunma e Fukushima (centro), acompanhados por uma humidade superior a 63%.

Além das cinco vítimas mortais, todas de avançada idade, foram hospitalizadas cerca de 3.200 pessoas em todo o país nos últimos oito dias, com sintomas relacionados com as elevadas temperaturas, metade das quais com idade igual ou superior a 65 anos, segundo dados oficiais citados pela agência Kyodo.

Do total, oito encontram-se em estado crítico, de acordo com a televisão estatal NHK.

As previsões meteorológicas apontam para uma descida da temperatura a partir de hoje, devendo a máxima atingir 35 graus centígrados no centro do país, sendo que quase todo o arquipélago se verá coberto por nebulosidade atraída pelo tufão Nangka.

  • Desde 2005 morreram 72 bombeiros mas ninguém sabe quantos ficaram feridos
    2:02

    Reportagem Especial

    "Vidas de Fogo" é a Reportagem Especial desta noite, sobre os bombeiros feridos em combate a incêndios florestais. Este ano, durante o período mais crítico dos fogos, vão estar no terreno quase 10.000 operacionais. Grande parte são bombeiros voluntários. Vamos contar cinco casos de bombeiros feridos em combate e tentar saber como se recupera de um acidente, como se vive depois de queimado e como se lida com a morte de colegas durante um fogo.

    Hoje no Jornal da Noite

  • Líder do Daesh abatido durante fuga

    Daesh

    Um líder do Daesh e o assistente foram abatidos pela polícia iraquiana, em Mossul. A notícia é avançada pela agência EFE que esclarece que os dois homens terão sido mortos enquanto fugiam do Oeste para Este da cidade iraquiana através do rio Tigre.