sicnot

Perfil

Mundo

Onda de calor chega ao Japão e mata 5 pessoas

Cinco pessoas morreram e mais de 3.000 outras tiveram que ser hospitalizadas no Japão devido a uma onda de calor que tem afetado o país na última semana, informaram hoje os 'media' locais.

© Yuya Shino / Reuters

A onda de calor tem sido registada em grande parte do arquipélago, tendo a temperatura superado os 39 graus centígrados em Gunma e Fukushima (centro), acompanhados por uma humidade superior a 63%.

Além das cinco vítimas mortais, todas de avançada idade, foram hospitalizadas cerca de 3.200 pessoas em todo o país nos últimos oito dias, com sintomas relacionados com as elevadas temperaturas, metade das quais com idade igual ou superior a 65 anos, segundo dados oficiais citados pela agência Kyodo.

Do total, oito encontram-se em estado crítico, de acordo com a televisão estatal NHK.

As previsões meteorológicas apontam para uma descida da temperatura a partir de hoje, devendo a máxima atingir 35 graus centígrados no centro do país, sendo que quase todo o arquipélago se verá coberto por nebulosidade atraída pelo tufão Nangka.

  • ANACOM apresenta recomendações para melhorar redes de telecomunicações
    1:17

    País

    A ANACOM entregou um conjunto de recomendações ao Governo, Parlamento, municípios e operadores de telecomunicações. A autoridade reguladora em Portugal das comunicações eletrónicas propõe que os cabos aéreos de telecomunicações sejam substituídos por cabos subterrâneos, entre outras coisas. O objetivo é impedir que as redes fiquem em baixo perante incêndios ou outras catástrofes.

  • Ministra do Mar não aceita suspensão da pesca da sardinha
    2:39

    Economia

    O organismo científico que aconselha a Comissão Europeia em matéria de pescas recomendou esta sexta-feira que Portugal e Espanha não pesquem sardinha no próximo ano. A Ministra do Mar não aceita esta recomendação de capturas zero e vai propor uma redução do limite de capturas de sardinha das 17 mil toneladas deste ano para cerca de 14 mil em 2018.

  • Atividade económica regista crescimento

    Economia

    A atividade económica portuguesa está a crescer ao maior ritmo dos últimos 17 anos. O crescimento registado em setembro é o mais elevado desde janeiro de 2000. Já o consumo privado registou uma diminuição face a agosto.

    SIC