sicnot

Perfil

Mundo

Trinta e cinco mortos em explosão de carro armadilhado no Iraque

Uma explosão de um carro armadilhado destruiu hoje o centro de Khan Bani Saad, cidade iraquiana a norte de Bagdade, causando pelo menos 35 mortos, segundo as autoridades locais e médicas.

© Khaled Abdullah Ali Al Mahdi

O ataque ocorreu numa área predominantemente xiita de Khan Bani Saad, num mercado onde, por esta altura, as pessoas fazem as suas compras para o feriado Eid al-Fitr, que assinala o final do Ramadão.

Mohammed Jawad al-Hamadani, membro do conselho da província de Diyala, onde Khan Bani Saad está localizada, indicou que há "35 mortos e mais de 70 feridos", entre os quais muitas mulheres e crianças.

O grupo autointitulado Estado Islâmico já veio reivindicar, em vários fóruns jihadistas, a autoria do atentado.

"O nosso irmão Abu Ruqayya al-Ansari avançou com o carro carregado com quase três toneladas de explosivos no meio de uma reunião de milícias Rafidha", adiantaram membros do grupo radical.

Rafidha é um termo usado para designar os muçulmanos xiitas.

O governador de Diyala, Muthanna al-Tamimi, declarou três dias de luto em toda a região e foram canceladas as festividades Eid al-Fitr.

Lusa

  • Os negócios menos claros do filho de Pinto da Costa
    1:55

    Football Leaks

    Com o escândalo dos agentes de futebol a dar que falar, o Expresso revela este sábado os negócios menos claros do filho de Pinto da Costa. O nome da empresa de que é administrador, a Energy Soccer, surge na investigação em transferências de jogadores que envolvem o Futebol Clube do Porto num conflito de interesses.

  • A história da guerra em Alepo
    7:43
  • Uma "cidade fantasma" na Letónia
    3:10