sicnot

Perfil

Mundo

Pelo menos quatro mortos à passagem do tufão Nangka pelo Japão

Pelo menos quatro pessoas morreram e 55 outras ficaram feridas na sequência da passagem do tufão Nangka pelo sul e oeste do país, informou hoje a agência Kyodo.

Após tocar terra, esta sexta-feira, na ilha de Shikoku, o tufão, o 11.º da temporada 2015 no Pacífico, deslocou-se em direção a noroeste e atravessou o Mar Interior e as prefeituras Okayama e Tottori, no extremo ocidental de Honshu, a principal ilha do Japão.

Às primeiras horas de hoje, o Nangka, já reduzido a uma depressão tropical, movia-se sobre o Mar do Japão, depois de ter mudado de rumo a leste em direção à península de Noto, em Ishikawa, no centro do país.

O Nangka, que trouxe fortes chuvas e ventos, provocou a morte de pelo menos quatro pessoas, das quais três morreram afogadas depois de terem sido arrastadas pela água.

As autoridades japonesas contabilizaram ainda 55 feridos e estimaram danos em cerca de 220 casas, todas no oeste do país, devido às cheias.

Entre quinta e sexta-feira, aproximadamente 400 voos nacionais e internacionais, com partida ou chegada no oeste e sul do Japão, foram suspensos.

A tempestade também obrigou, na véspera, à suspensão da maioria das ligações ferroviárias no ocidente do país asiático.

Lusa

  • Sporting de Braga eliminado da Liga Europa
    2:01
  • Prémio Pessoa 2016 hoje anunciado em Sintra

    País

    O Prémio Pessoa 2016, que distingue uma personalidade que tenha tido uma "intervenção particularmente relevante e inovadora na vida artística, literária ou científica" no país, é anunciado hoje, às 12:00, no Palácio de Seteais, em Sintra.