sicnot

Perfil

Mundo

Robô Philae está "em silêncio" há 11 dias

O robô europeu Philae, pousado na superfície de um cometa, está em silêncio há 11 dias, anunciaram hoje os controladores, que receiam que o aparelho se tenha deslocado da zona de contacto via rádio.

"A sonda poderá ter-se movido", refere em comunicado o Centro Aeroespacial Alemão (DLR na sigla alemã), acrescentando que "mesmo uma ligeira mudança na sua posição poderá significar que as antenas tenham ficado obstruídas".

Pode ler-se ainda no comunicado que também é possível que uma das duas unidades de receção de rádio da sonda esteja danificada e que uma das unidades de transmissão não esteja totalmente funcional.

O robô Philae, que pousou na superfície do cometa 67P/Churyumov-Gerasimenko em 12 de novembro do ano passado, entrou em hibernação três dias depois e acordou novamente em 13 de junho passado, estabelecendo comunicações intermitentes com a Terra através da sua nave-mãe em órbita Rosetta.

A sonda, do tamanho de uma máquina de lavar roupa, comunicou por oito vezes com a Terra, a última em 09 de julho.

No entanto, desde essa altura que "a sonda robô voltou ao 'modo silencioso'", salienta-se no comunicado.

A partir de alguns dos dados recebidos a equipa tem "observado sinais de que o módulo Philae poderá ter-se movimentado", disse o líder do projeto, Stephan Ulamec, acrescentando que "provavelmente as suas antenas encontram-se mais escondidas ou talvez a sua orientação tenha mudado".

A sonda Rosetta foi lançada em março de 2004, e está a orbitar o cometa 67/P desde o ano passado. O módulo de aterragem Philae possui instrumentos a bordo que incluem dois sofisticados medidores magnéticos

Em novembro de 2014, a 500 milhões de quilómetros da Terra e após uma viagem de 10 anos, o Philae tornou-se o primeiro objeto de fabrico humano a pousar num cometa.

Lusa

  • Surto de hepatite A em Portugal
    2:45
  • A rã que brilha no escuro
    2:08
  • Indonésio encontrado dentro de cobra pitão

    Mundo

    Akbar Salubiro, de 25 anos, esteve perto de 24 horas desaparecido na remota ilha indonésia de Sulawesi. Acabou por ser encontrado um dia depois, no jardim da própria casa, dentro de uma pitão de 7 metros.

  • Relação de Portugal com Angola é "insubstituível"
    1:00

    País

    Paulo Portas considera que a relação de Portugal com Angola é insubstituível. Numa entrevista ao Jornal de Negócios, o ex vice-primeiro-ministro defende que o país deve ser profissional no relacionamento político com Luanda.

  • Abertura da lagoa de Santo André atrai surfistas e bodyboarders
    4:15
  • Tecnologia permite a tetraplégico mexer mão e braço

    Mundo

    Um homem que ficou tetraplégico num acidente voltou a mover-se com a ajuda da tecnologia e apenas usando o pensamento, num projeto de investigadores dos Estados Unidos divulgado esta terça-feira na revista especializada em medicina The Lancet.