sicnot

Perfil

Mundo

Protestos contra o Governo turco resultam em desacatos em Istambul

O primeiro-ministro da Turquia adianta que as autoridades identificaram um suspeito relacionado com o atentado de Suruc. A pressão sobre o Governo aumenta, já que ao fim de mais de 24 horas, nem o Estado Islâmico nem qualquer outro grupo reivindicou a autoria do ataque bombista.

© Murad Sezer / Reuters

Esta terça-feira, em Istambul, dezenas de pessoas voltaram a manifestar-se, num protesto que acabou em confrontos com a polícia. Foi quando o grupo de manifestantes foi impedido de prosseguir com as faixas e cartazes com palavras de contestação ao governo.

Perante a resistência e inclusive a tentativa de forçar a barreira policial, os agentes anti-motim avançaram e na confusão, instalada, houve alguns murros e socos de ambos os lados.

A polícia levou detidos vários manifestantes, mas não há indicação de quantos ou se ficaram presos.

Os turcos responsabilizam os dirigentes do partido AK, os conservadores que detêm o poder na Turquia.

  • As IPSS são estruturantes no país. Fazem o que Estado não faz porque não pode, não quer, ou não chega a tudo. Chama-se sociedade civil a funcionar. E o Estado subsidia, ajuda, (com)participa, apoia. Nada contra. A questão é quando as IPSS e outras instituições, fundações, associações, federações e quejandas se tornam verdadeiras "indústrias".

    Pedro Cruz

  • O ano "saboroso" de António Costa
    0:51

    País

    António Costa diz que 2017 foi um ano "saboroso" para Portugal. Num encontro com funcionários portugueses, em Bruxelas, antes do Conselho Europeu desta quinta-feira, o primeiro-ministro realçou o que o país conquistou no último ano, no plano europeu, e que culminou com a eleição de Mário Centeno para a Presidência do Eurogrupo.

  • Os Simpsons já sabiam em 1998 que a Fox iria pertencer à Disney

    Cultura

    Os Simpsons acertaram outra vez. Algo que tem acontecido regularmente nos últimos tempos, com a eleição de Donald Trump, o aparecimento do vírus Ébola ou o escândalo dos Panama Papers. Desta vez, a previsão remonta a 1998, quando a série previu que a 20th Century Fox iria pertencer à Disney.

    SIC