sicnot

Perfil

Mundo

Três partidos comunistas proibidos de concorrer a eleições autárquicas na Ucrânia

O Ministério da Justiça ucraniano proibiu três partidos comunistas de concorrer às próximas eleições autárquicas no país, declarou hoje o ministro Pavlo Petrenko, citado pela emissora Radio Free Europe.

© Francois Lenoir / Reuters

O Partido Comunista da Ucrânia (KPU), o Partido Comunista dos Trabalhadores e Camponeses Ucranianos (KPRS) e o Partido Comunista da Ucrânia Reformado (KPU-O) não poderão assim participar nas eleições locais agendadas para 25 outubro deste ano.

O ministro acrescentou que irá apresentar à justiça uma proposta para banir formalmente os partidos.

Segundo a Radio Free Europe, financiada pelo governo norte-americano, o Partido Comunista Ucraniano (KPU) tem sido uma força importante na política do país, alcançando 13% dos votos nas eleições parlamentares de 2012.

A popularidade do partido afundou após o seu apoio ao ex-Presidente Viktor Yanukovych, derrubado em fevereiro de 2014 por protestos pró-europeus.

Nas eleições parlamentares de outubro de 2014, o KPU obteve menos de 4% dos votos.

A Ucrânia aprovou várias leis em abril banindo o uso de símbolos da era soviética e denunciando a ideologia comunista, aplicando o mesmo tratamento legal aos símbolos e ideologia nazi.

O líder do Partido Comunista da Ucrânia, Petro Symonenko, respondeu à proibição afirmando que o seu partido planeia participar nas eleições, apesar da decisão ministerial.

A decisão foi caraterizada pelo líder do Partido Comunista Russo, Gennady Zyuganov, como sendo "pura arbitrariedade e uma retaliação contra oponentes políticos".

Após a remoção de Viktor Yanukovych do poder, foram organizadas eleições locais antecipadas em 2014, que devido à instabilidade do país não puderam ser realizadas em todas as regiões do país.

As eleições de outubro deverão ser realizadas em todas as regiões administradas pelo governo ucraniano, excluindo a região da Crimeia, entretanto anexada pela Rússia, e as áreas das regiões de Donetsk e Lugansk ocupadas por separatistas pró-russos em conflito com o governo central.

Lusa

  • PSD está a "perder terreno" na escolha de candidato a Lisboa
    1:46

    País

    Quem o diz é Luís Marques Mendes: o PSD perde na demora da escolha de um candidato para a Câmara de Lisboa. O líder Passos Coelho rejeita apoiar a candidatura de Assunção Cristas e garante que o partido vai ter um candidato próprio. Segundo o comentador da SIC, o último convite foi dirigido a José Eduardo Moniz.

  • Trump não escreve todos os tweets, mas dita-os

    Mundo

    O Presidente eleito dos EUA não escreve todos os tweets que são publicados na sua conta desta rede social, mas dita-os aos seus funcionários. Numa entrevista a um ex-secretário de Estado britânico, Donald Trump explica como usa a sua conta e garante que depois de ser investido Presidente, vai continuar a usar o Twitter para defender-se da "imprensa desonesta".

  • Depressão pode ser mais prejudicial para o coração do que a hipertensão

    Mundo

    Um estudo recente estabelece uma nova ligação entre depressão e distúrbios cardíacos. De acordo com a investigação publicada na revista Atheroscleroses, o risco de vir a sofrer de uma doença cardíaca grave é quase tão elevado para os homens que sofram de depressão, do que para os que tenham colesterol elevado ou obesidade, e pode mesmo ser maior do que para os que sofram de hipertensão.

  • "Estar na Web Summit foi dizer em empreendedorês: estamos vivos, estamos aqui!"

    Web Summit

    No seguimento da entrevista à blogger Sara Riobom, que conhecemos durante a WebSummit, trazemos a história de outro jovem português (que não trabalha sozinho) que esteve no evento, em Lisboa, a promover a sua startup. Quis o acaso e as peripécias do direto e do destino que acabasse por receber um visitante ilustre e especial no seu stand: nada mais nada menos do que o primeiro-ministro, António Costa. Recentemente estiveram no Shark Tank, onde conseguiram captar a atenção de um dos “tubarões” do programa da SIC. Mas o que queremos saber é…

    Martim Mariano