sicnot

Perfil

Mundo

Obama realiza primeira visita de um líder norte-americano à Etiópia

Barack Obama chega hoje à Etiópia para a primeira visita de um Presidente norte-americano à segunda nação mais populosa de África, considerada como um aliado na luta contra o terrorismo.

© Thomas Mukoya / Reuters

Obama, que chegou ao Quénia na sexta-feira, parte hoje para Adis Abeba, capital da Etiópia, para uma visita de dois dias em que fará o primeiro discurso de um líder norte-americano perante a União Africana, um bloco de 54 membros.

"É a primeira vez que um Presidente [norte-americano] no ativo visita a Etiópia. Vai elevar a relação entre os dois países a outro nível", disse o porta-voz do Ministério dos Negócios Estrangeiros, Tewolde Mulugeta.

Obama deverá discursar na sede da União Africana, um edifício reluzente construído por empresas chinesas, na terça-feira, uma cerimónia que encerra a sua visita a África.

A presidente da Comissão da União Africana, Nkosazana Dlamini Zuma, classificou a visita como "histórica" e como "um passo concreto para ampliar e aprofundar as relações entre a União Africana e os Estados Unidos".

Obama deve também encontrar-se com mediadores do processo de paz com o Sudão do Sul, a nação mais jovem do mundo, envolvida numa guerra civil de 19 meses.

Lusa

  • Obama fala em assunto tabu no Quénia
    1:54

    Mundo

    Barack Obama abordou um assunto tabu no Quénia, onde se encontra em visita oficial. O Presidente dos Estados Unidos defendeu a igualdade de direitos para os homossexuais num país em que as relações entre pessoas do mesmo sexo são crime. Obama teve um dia marcado por cerimónias, depois de ter jantado com a família do pai.

  • Leão de Ouro de Souto de Moura faz "muito bem à alma" dos portugueses
    1:53
  • "Sonho com um futuro melhor", o desejo de um jovem sírio em Portugal
    2:12

    País

    Mais de 50 jovens sírios chegaram esta madrugada a Lisboa, para iniciarem o novo ano letivo, em Portugal. Sonham com um futuro melhor. Sonham com uma educação melhor. Os 54 estudantes vieram ao abrigo do programa lançado pelo antigo Presidente da República, Jorge Sampaio, que nos últimos anos já deu uma nova oportunidade a cerca de 200 alunos. Depois de um curso intensivo de português durante três meses, os jovens vão iniciar o ano letivo em vários pontos do país.

  • Chamas do incêndio no Europa Park na Alemanha atingiram os 15 metros de altura
    0:57