sicnot

Perfil

Mundo

Dois feridos num tiroteio em Barcelona

Um homem disparou vários tiros hoje à tarde em Barcelona, junto à Rambla, no centro da capital catalã, ferindo duas pessoas, indicaram fontes policiais.

Las Ramblas, Barcelona.

Las Ramblas, Barcelona.

© Albert Gea / Reuters

O incidente ocorreu pouco depois das 15:00 locais, em frente ao hotel Silken Ramblas, quando um homem se aproximou de duas pessoas que se encontravam sentadas, apontou-lhes uma arma de fogo e disparou.

Uma das pessoas foi atingida pelas balas e a outra sofreu cortes causados pelos vidros ao fugir para dentro do hotel, precisou a polícia, citada pela agência de notícias espanhola, Efe.

A pessoa com ferimentos de bala foi transportada para o Hospital Clínico da cidade, onde ficou internada.

Efetivos da força policial Mossos d'Esquadra, em colaboração com a Polícia Municipal de Barcelona, selaram a zona e estão à procura do autor dos disparos que, segundo algumas testemunhas estava encapuzado e poderia estar acompanhado de um cúmplice.

Lusa

  • Costa desvaloriza ameaça e mantém planos de visita a Angola
    2:27

    Economia

    O governo angolano reagiu duramente à acusação do Ministério público portugues contra o vice-presidente de Angola. Luanda diz que a acusação é um sério ataque à República de Angola que pode perturbar as relações entre os dois paises. António Costa desvaloriza a ameaça e mantém os planos de uma visita a Angola na primavera.

  • Ferro Rodrigues desvaloriza críticas do CDS
    3:24

    Caso CGD

    Marcelo Rebelo de Sousa fez questão de receber em público Ferro Rodrigues antes de um almoço com o presidente da Assembleia da República. O Presidente também recebeu a representante do CDS-PP, Assunção Cristas, que foi apresentar queixa de Ferro Rodrigues e da maioria de esqueda em relação à comissão de inquérito da Caixa Geral de Depósitos. Ferro Rodrigues desvalorizou as críticas.

  • Luaty Beirão agredido em manifestação em Luanda
    1:27

    Mundo

    Luanda tem sido palco de várias manifestações contra a forma como está a decorrer o processo eleitoral em Angola. Esta sexta-feira, uma dessas manifestações acabou em confrontos com as autoridades. Entre os manifestantes estava o ativista Luaty Beirão.

  • Regime de Pyongyang nega envolvimento na morte de Kim Jong-nam 
    1:53

    Mundo

    A polícia da Malásia diz que o irmão do líder da Coreia do Norte foi morto com uma arma química. Os investigadores encontraram vestígios de gás VX no corpo de Kim Jong-nam, um gás letal proibido pelas convenções internacionais. O Governo da Coreia do Sul pediu esta sexta-feira ao regime de Pyongyang que admita que está por detrás da morte de Kim Jong-nam mas o mesmo já veio negar o envolvimento no assassinato.