sicnot

Perfil

Mundo

Encontrada peça que parece pertencer a avião malaio desaparecido há ano e meio

As autoridades da ilha francesa de Réunion estão a investigar a origem de uma peça aeronáutica que deu à costa. São várias as imagens que estão a correr a rede social Twitter e mostram o que parece ser parte de uma asa de um avião. As suspeitas apontam, para já, para a possibilidade de ter pertencido ao voo MH370, da Malasia Airlines, desaparecido há ano e meio.

Todas as peças de aviões são numeradas. Neste caso, só a Boeing poderá confirmar a ligação.

Todas as peças de aviões são numeradas. Neste caso, só a Boeing poderá confirmar a ligação.

Twitter

As autoridades aeronáuticas francesas já notaram, contudo, que há grandes semelhanças entre o "flap" de um Boeing 777 e a peça encontrada.

Todas as peças de aviões são numeradas. Neste caso, só a Boeing poderá confirmar a ligação.

Réunion é uma ilha francesa, no Índico sudoeste, próxima de Madagáscar e a mais de 6500 quilómetros da capital malaia, Kuala Lumpur.

  • Advogados de Sócrates queixam-se de bullying processual e mediático
    2:13

    Operação Marquês

    Os advogados de José Sócrates queixam-se de bullying processual e mediático e garantem que o antigo primeiro-ministro nunca favoreceu Ricardo Salgado ou o Grupo Espirito Santo. Segundo o Expresso, o presidente da Escom, Helder Bataglia, terá admitido que Ricardo Salgado utilizou uma conta bancária do empresário, na Suíça, para passar 12 milhões de euros a Carlos Santos Silva, alegadamente para o amigo José Sócrates.

  • Marcelo diz que é hora de valorizar o poder local
    0:40

    País

    O Presidente da República diz que este é o momento para valorizar o poder local. Sobre a descida da Taxa Social Única, Marcelo Rebelo de Sousa recusou comentar e negou que haja crispação politica entre Governo e oposição.

  • Marine Le Pen diz que Brexit terá efeito dominó na UE
    0:39

    Brexit

    Marine Le Pen diz que o Brexit vai ter um efeito dominó na União Europeia. Durante um congresso da extrema-direita, a líder da Frente Nacional francesa afirmou que a Europa vai despertar este ano em que estão marcadas eleições em vários países, como a Alemanha e a Holanda.