sicnot

Perfil

Mundo

Avião da Cathay Pacific faz aterragem de emergência no Alasca

Um avião da Cathay Pacific, que descolou de Hong Kong com destino a Los Angeles, foi forçado a fazer uma aterragem de emergência, na noite de quarta-feira, numa base militar no Alasca (EUA) após ter sido detetado fumo.

© Bobby Yip / Reuters

O voo fez um "desvio por precaução" para um aeroporto militar norte-americano, nas Ilhas Aleutian, informou a companhia aérea.

"Todos os passageiros e membros da tripulação estão a salvo", afirmou a Cathay Pacific, em comunicado, dando conta de que seguiam a bordo 294 pessoas.

Uma porta-voz da companhia aérea disse hoje à agência AFP que o Boeing já partiu da base militar e chegou a Anchorage, a cidade mais populosa do Alasca.

A Cathay Pacific, que indicou ter delineado arranjos para assistir os passageiros afetados pelo desvio do voo CX884, informou que vai ser lançada uma investigação sobre a causa do fumo detetado.

Lusa

  • Pagar IMI a prestações e um Documento Único Automóvel mais pequeno

    País

    O programa Simplex + 2017 é apresentado hoje à tarde e recebeu mais de 250 propostas de cidadãos ao longo dos últimos meses. As novas medidas preveem o pagamento em prestações do Imposto Municipal sobre Imóveis (IMI) e a criação de um simulador de custos da Justiça, que devem estar em vigor no próximo ano.

  • Cinco anos depois do incêndio na Serra do Caldeirão
    5:24
  • Destaques económicos que marcaram a semana
    2:03

    Economia

    A semana ficou marcada pela tragédia provocada pelos incêndios no centro do país. No entanto importa olhar para o que se passou noutras áreas e fazer um resumo das notícias relacionadas com a economia. 

  • "Toda a gente merece direitos iguais"
    0:14

    Mundo

    A polícia de Istambul montou cordões de segurança para dispersar a multidão que se juntou para a Marcha do Orgulho Gay, este domingo. O Governo proibiu a marcha por considerar que representa um risco para a segurança pública. Uma das ativistas fala numa decisão sem sentido, e diz que todas as pessoas merecem direitos iguais.

  • "Ela veio lá de fora e começou a atropelar as pessoas"
    0:43

    Mundo

    O atropelamento deste sábado em Newcastle, no Reino Unido, provocou pelo menos seis feridos. No local, as pessoas relatam momentos de pânico. Uma testemunha afirma que a condutora nunca perdeu o controlo do carro e que dirigiu intencionalmente contra a multidão.