sicnot

Perfil

Mundo

Mulher russa de 68 anos terá morto e desmembrado pelo menos 13 pessoas

A história de uma serial-killer, de 68 anos, está a chocar a Rússia. A mulher terá assassinado pelo menos 13 pessoas.

As autoridades acreditam que os relatos são verdadeiros e não uma fantasia desta mulher.

As autoridades acreditam que os relatos são verdadeiros e não uma fantasia desta mulher.

A idosa foi detida em São Pertesburgo, na passada terça-feira, depois de fortes suspeitas de ter morto e desmembrado um vizinha reformada, há uns dias.

A polícia disse também desconfiar que foi ela que, já em 2003, tinha assassinado um inquilino. Contudo, a revelação mais chocante é da existência de um diário em que Tamara Samsonova registou mais de uma dezena de assassinatos que terá cometido nos últimos 20 anos.

Os detalhes de como cortava as vítimas aos pedaços e os deitava fora em sacos de lixo estão descritos em três línguas: russo, alemão e inglês.

As autoridades acreditam que os relatos são verdadeiros e não uma fantasia desta mulher.

  • "Hoje vi chover lume"
    3:57
  • A Minha Outra Pátria
    29:53
  • Milhares de clientes da CGD vão pagar quase 5€/ mês por comissões de conta
    1:24

    Economia

    Milhares de clientes da Caixa Geral de Depósitos (CGD), que até aqui estavam isentos de qualquer pagamento, vão começar a pagar quase 5 euros por mês por comissões de conta. A medida abrange também reformados e pensionistas e entra em vigor já em setembro. Ainda assim, os clientes com mais de 65 anos e uma pensão inferior a 835 euros por mês continuam isentos.

  • O apelo da adolescente arrependida de ir lutar pelo Daesh

    Daesh

    Uma adolescente alemã que desapareceu da casa dos pais, no estado da Saxónia, esteve entre os vários militantes do Daesh detidos este fim de semana na cidade iraquiana de Mossul. Arrependida do rumo que deu à sua vida, deixou um apelo emocionado em que expressa, repetidamente, a vontade de "fugir" e voltar para casa.

    SIC