sicnot

Perfil

Mundo

Amnistia Internacional acusa polícia do Rio de Janeiro do uso de violência desnecessária

Amnistia Internacional acusa polícia do Rio de Janeiro do uso de violência desnecessária

A polícia do Rio de Janeiro matou mais de 840 pessoas por ano, entre 2005 e 2014. Os números, da Amnistia Internacional revelam que as forças da autoridade matam, sobretudo, jovens e negros. Homicídios que, nas estatísticas, não constam como tal.

  • As mulheres na clandestinidade durante o Estado Novo
    7:32

    País

    Não se sabe quantas mulheres portuguesas viveram na clandestinidade durante o Estado Novo, mas estiveram sempre lado a lado com os homens que trabalhavam para o Partido Comunista na luta contra a ditadura. Aceitavam serem separadas dos filhos e mudarem de identidade várias vezes ao longo dos anos. A história de algumas destas mulheres estão agora reunidas num livro que acaba de ser lançado.