sicnot

Perfil

Mundo

Reino Unido prolonga até 2017 missão dos aviões 'Tornado' no Iraque

O Governo britânico estendeu, até 2017, a missão dos seus aviões `Tornado´ no Iraque, onde participam nos ataques aéreos contra o grupo terrorista Estado Islâmico (EI), informou esta terça-feira o ministro da Defesa, Michael Fallon.

(Arquivo)

(Arquivo)

Fallon, que se encontra a visitar o Iraque, sublinhou que, com a decisão de manter este tipo de bombardeamentos, pretende assegurar que "se mantêm o tempo necessário para a operação".

O esquadrão de Tornado GR4, com base no Chipre, ia deixar a missão em março de 2016, mas agora o Governo britânico decidiu prolongar a missão mais um ano, até março de 2017, pela sua especialização em ataques aéreos.

A permanência destes doze bombardeiros garantirá que a Real Força Aérea (RAF) retenha "o fogo de precisão" e as capacidades de "processamento de informação e vigilância", declarou o ministro conservador.

Fallon afirmou também que não há planos de enviar tropas de infantaria para combater no Iraque, onde o exército iraquiano tenta repelir o EI, que controla parte do território desse país e da Síria, onde se estabeleceu um califado.

O Reino Unido, que realizou cerca de 5% dos bombardeamentos da coligação internacional aliada contra o autoproclamado EI no Iraque, não está a participar na operação paralela na Síria, para a qual precisaria de aprovação parlamentar.

Lusa

  • Atentado "falhado" em Nova Iorque
    1:43

    Mundo

    Uma explosão numa das zonas mais movimentadas de Manhattan fez quatro feridos, esta segunda-feira. Entre eles está o homem que transportava o engenho e que foi entretanto detido.

  • A brincadeira de um youtuber que podia ter acabado mal

    Mundo

    Um jovem youtuber inglês enfiou a cabeça num saco de plástico, prendeu-a na parte interna de um microondas e encheu depois o eletrodoméstico com cimento. A brincadeira, que podia ter acabado de forma trágica, deixou o jovem completamente preso e obrigou à intervenção dos serviços de emergência.

    SIC

  • "Popeye" russo pode ter que amputar braços

    Mundo

    Um jovem russo injetou um óleo no corpo para conseguir ter músculos, mais propriamente nos seus braços, que já cresceram cerca de 25 centímetros. Contudo, segundo um médico, o procedimento pode levar à necessidade de amputação, deixando o jovem sem os membros.

  • 10 Minutos com Leonor Beleza
    10:27

    10 Minutos

    A nossa convidada desta segunda-feira ainda é conhecida por ter sido ministra da Saúde e pelo seu trabalho à frente da Fundação Champalimaud. Mas desta vez vamos falar com Leonor Beleza sobre os 40 anos da revisão do Código Civil, em que esteve envolvida.

    Entrevista completa