sicnot

Perfil

Mundo

Imigrante detido no Reino Unido após atravessar o Canal da Mancha a pé

As autoridades britânicas anunciaram hoje a detenção de um sudanês, na terça-feira passada, à saída do Canal da Mancha, no Reino Unido, após atravessar os quase 50,5 quilómetros do Eurotúnel a pé.

© Peter Nicholls / Reuters

O imigrante, Abdul Rahman, de 40 anos, proveniente do Sudão, está atualmente a aguardar julgamento no Tribunal de Medway, onde irá responder pelo crime de "obstrução de instalações ferroviárias".

As autoridades francesas comunicaram que, nessa mesma noite, cerca de 600 imigrantes ilegais tinham tentado atravessar o túnel.

Nas últimas semanas, já se contabilizaram pelo menos nove imigrantes mortos.

As autoridades britânicas do Condado de Kent, região do sudeste de Inglaterra onde se encontra a saída do Eurotúnel, advertiram para o facto da inexistência de mais camas para acomodar os menores não acompanhados que conseguem atravessar o canal.

Lusa

  • "O bom senso obriga a acordo para a estabilização do sistema financeiro"
    2:06

    Economia

    O Presidente da República disse esta quarta-feira que "o bom senso obriga a que todos estejam de acordo para a estabilização do sistema financeiro". Num aparente recado a Passos Coelho, Marcelo apelou a um consenso de regime e avisou que "não há prazer tático que justifique o desgaste" provocado pelas divisões atuais.

  • Uma alternativa aos serviços de enfermagem ao domicílio
    7:34
  • Familiares de vítimas procuram destroços do MH370
    1:48

    Voo MH370

    Um grupo de familiares das vítimas do avião das linhas aéreas da Malásia, desaparecido em 2014, procuram destroços do aparelho em Madagáscar. As autoridades malaias estudam a posssibilidade de uma nova operação de buscas.

  • Primeiro-ministro em lágrimas ao reencontrar refugiado que recebeu no Canadá em 2015

    Mundo

    Justin Trudeau desfez-se em lágrimas no reencontro com um refugiado sírio, que ele recebeu no Canadá em 2015. No ano passado, Trudeau recebeu pessoalmente os refugiados no aeroporto, onde foi visto a entregar casacos de inverno aos migrantes. Esta segunda-feira, o primeiro-ministro conheceu algumas das famílias que se estabeleceram no país, numa reunião filmada pela emissora canadiana CBC.