sicnot

Perfil

Mundo

Israel deteve suspeitos do fogo que matou bebé e pai palestinianos

Israel anunciou hoje a detenção de vários suspeitos do ataque a uma casa palestiniana na Cisjordânia que foi incendiada, tendo causado a morte de um bebé de 18 meses e do seu pai.

© Abed Omar Qusini / Reuters

Segundo a polícia, os suspeitos foram detidos na Cisjordânia no âmbito da "investigação aos acontecimentos que ocorreram em Duma", onde foi incendiada a habitação em que residia a família do bebé de 18 meses.

A polícia, citada pela agência France Presse, não indicou o número de suspeitos detidos.

O pai do bebé palestiniano de 18 meses morto, há uma semana, num incêndio causado por colonos judeus na Cisjordânia, sucumbiu na sexta-feira aos ferimentos. Saad Dawabcheh não resistiu às queimaduras e morreu no hospital israelita onde foi internado.

Segundo as forças de segurança palestinianas, quatro israelitas pegaram fogo à casa onde vivia a família Dawabcheh. A mulher de Saad e o filho mais velho, de quatro anos, ainda estão hospitalizados.

Lusa

  • Donaldtrumpi, a traça

    Mundo

    O investigador Vazrick Nazari decidiu dar o nome de Donald Trump a uma nova espécie de traça. O inseto foi descoberto na Califórnia e tem algo em comum com o Presidente dos Estados Unidos: uma pelagem loura muito parecida ao penteado de Trump.

  • Autocarro com seguranças atacado em Braga
    0:42

    Desporto

    Dois autocarros que transportavam elementos de uma empresa de segurança foram atingidos por tiros e pedras depois do jogo entre o Sporting de Braga e o Vitória de Guimarães. O ataque deu-se a poucos quilómetros do Estádio Municipal de Braga. A PSP e a PJ estiveram no local a recolher provas.