sicnot

Perfil

Mundo

Nagasaki assinala os 70 anos do bombardeamento atómico

Nagasaki assinala os 70 anos do bombardeamento atómico

Três dias depois de Hiroshima, Nagasaki, no sudoeste do Japão, assinala os 70 anos do bombardeamento atómico que ficou para a história como uma das maiores tragédias mundiais. Num segundo terão morrido entre 40 a 80 mil pessoas.

  • Sinos em Hiroshima tocaram à hora do bombardeamento atómico há 70 anos
    2:03

    Mundo

    Dia 6 de Agosto. Há 70 anos a humanidade despertava para a era atómica. Na cidade japonesa de Hiroshima estão a decorrer as cerimónias dos 70 anos do lançamento da primeira bomba atómica que atingiu o país. Esta manhã foi feito um minuto de silêncio pelas vítimas à hora exata a que foi lançada a primeira bomba pelo avião norte-americano Enola Gay.Durante a noite, cerca de duas centenas de pessoas marcharam pelas ruas da cidade com lanternas de papel.

  • Português de 15 anos morre em estância de esqui em Espanha

    País

    Um jovem português morreu esta quarta-feira numa estância de esqui, em Espanha. O rapaz de 15 anos queixou-se de dores de cabeça e foi transportado para a Unidade de Cuidados de Saúde da Estância de Esqui, onde acabou por morrer.

    Em desenvolvimento

  • Europa num clima de tensão parecido ao dos anos que antecederam a 2.ª Guerra Mundial
    2:18

    Mundo

    O populismo e a demonização do outro estão a conduzir a Europa a um clima de tensão semelhante ao dos anos que antecederam a 2.ª Guerra mundial. A conclusão é do relatório anual da Amnistia internacional, que denuncia ainda que 2016 foi um ano de "implacável miséria e medo" para milhões de pessoas. Embalados pelo discurso do medo, vários governos recuaram nos direitos humanos.