sicnot

Perfil

Mundo

Comissão Europeia aprova fundo de 2,4 mil milhões de euros para lidar com migrações

A Comissão Europeia anunciou hje a aprovação de 23 programas nacionais plurianuais ao abrigo do Fundo para Asilo, Migração e Integração e do Fundo de Segurança Interna, no valor global de 2,4 mil milhões de euros.

© Stringer Shanghai / Reuters

Em comunicado, a Comissão referiu que o financiamento total para os programas abrangerá o período entre 2014 e 2020. O dinheiro vai agora ser transferido para os Estados membros da União Europeia, como a Grécia, Itália e outros países, para lidar com a situação do aumento do fluxo migratório para a Europa.

Portugal irá receber destes fundos 38,6 milhões de euros, de acordo com o comunicado.

A Comissão tem trabalhado intensivamente com os Estados membros para garantir que os fundos comunitários sejam libertados com urgência, segundo a nota, que acrescenta que vinte e dois programas nacionais já haviam sido aprovados em março e outros 13 adicionais serão ainda aprovados este ano.

O comissário para a Migração, Assuntos Internos e Cidadania da UE, Dimitris Avramopoulos, citado no comunicado, disse que "os Estados membros, hoje em dia, enfrentam desafios sem precedentes nos campos da migração e segurança e a Comissão está a tomar medidas num espírito de solidariedade".

"Através da agenda europeia de migrações e segurança, a Comissão está a dar passos para melhorar a gestão da migração, fomentar a cooperação e tornar a Europa mais segura aos seus cidadãos em relação ao crime organizado e ao terrorismo", declarou o comissário.

De acordo com Dimitris Avramopoulos, "os programas nacionais aprovados pela Comissão prestam assistência financeira para os Estados membros para enfrentar estes desafios. Estamos determinados a continuar para colocar a solidariedade em prática".

De acordo com a nota, os financiamentos do AMIF apoiam os esforços nacionais para melhorar as capacidades de acolhimento, asseguram que os procedimentos de asilo estejam de acordo com os padrões da UE, promovem a integração dos migrantes a nível local e regional e incrementa a eficácia dos programas de regresso.

Os fundos do ISF complementam os esforços nacionais para melhorar a gestão e a vigilância das fronteiras pelos Estados membros (nomeadamente pela utilização de tecnologias modernas).

Em 2014, de acordo com a Agência Europeia para a Gestão da Cooperação Operacional nas Fronteiras Externas da UE (Frontex), entraram de forma ilegal na Europa cerca de 280 mil pessoas.

Este número, segundo a Frontex, é um recorde absoluto

Do total das 280 mil, 220 mil entraram em território europeu através do Mar Mediterrâneo.

De acordo com a Organização Internacional para as Migrações (OIM), já morreram cerca de 2.000 pessoas no Mediterrâneo, este ano, ao tentar chegar à Europa.

Lusa

  • Outros casos de fuga de prisões portuguesas
    2:58

    País

    Nos últimos cinco anos, 52 reclusos fugiram de cadeias portuguesas, mas foram todos recapturados. Entre 1999 e 2009, fugiram oito reclusos da prisão de Caxias. Em 2005, um homem condenado a 21 anos de prisão fugiu de Coimbra, viajando por França e pela Polónia. Manuel Simões acabou por ser detido no regresso a Portugal.

  • Portugal sem resposta de Moçambique sobre português desaparecido em Maputo
    1:25

    País

    Portugal tem tentado, sem sucesso, obter respostas das autoridades moçambicanas sobre o rapto de um empresário português há sete meses. De acordo com a notícia avançada este domingo pelo jornal Público, uma carta enviada há duas semanas pelo Presidente da República ao homólogo moçambicano não teve resposta. O Governo de Moçambique tem ignorado pedidos de informação das autoridades portuguesas.

  • Táxi capaz de sobrevoar filas de trânsito ainda este ano no Dubai

    Mundo

    É o sonho de muitos que passam horas intermináveis em filas de trânsito. Trata-se de um drone com capacidade para transportar pessoas. "Operações regulares" deste insólito aparelho terão início em julho, no Dubai. O anúncio foi feito pela entidade que gere os transportes da cidade. Apenas um passageiro, com o peso máximo de 100 kg, pode seguir viagem neste táxi revolucionário, capaz de sobrevoar vias congestionadas pelo trânsito.