sicnot

Perfil

Mundo

Conselho de Segurança da ONU apela à retoma do diálogo no Burundi

O Conselho de Segurança da ONU exortou na segunda-feira o governo do Burundi a retomar imediatamente o diálogo com a oposição para pôr fim à espiral de violência que assola aquele país africano.

Jerome Delay

"Os membros do Conselho expressaram a sua profunda preocupação com a situação política e de segurança no Burundi e apelaram à retoma imediata de um diálogo aberto para alcançar uma paz duradoura", disse à imprensa a embaixadora da Nigéria na ONU, Joy Ogwu.

Os 15 membros do Conselho de Segurança apoiaram a proposta do secretário-geral da ONU, Ban Ki-moon, de enviar um mediador para o Burundi, durante uma reunião de urgência à porta fechada pedida pela França, segundo os diplomatas presentes.

A embaixadora da Nigéria, que assumiu a presidência rotativa do Conselho, assegurou aos jornalistas que Ban Ki-moon enviará em breve um mediador.

O Burundi vive uma grave crise política e de segurança, depois do anúncio, no final de abril, da candidatura do Presidente Pierre Nkurunziza a um terceiro mandato, denunciado pela oposição, sociedade e Igreja Católica.

O secretário-geral adjunto das Nações Unidas para os Direitos Humanos, Ivan Simonovic, disse ao Conselho de Segurança que, pelo menos 94 pessoas foram mortas desde o início da crise em abril.

Cerca de 600 pessoas foram detidas ou presas e 40 casos de tortura sob custódia da polícia foram denunciados, acrescentou.

O diálogo entre o governo e a oposição está suspenso desde 19 de julho.

Lusa

  • Não há risco de colapso do viaduto de Alcântara
    1:35

    País

    O desvio de um pilar do viaduto de Alcântara obrigou esta quarta-feira ao corte do trânsito e da circulação de comboios da linha de Cascais. O estrago terá sido provocado por um camião que embateu na estrutura. A circulação ferroviária foi retomada a meio da manhã, mas o viaduto só será reaberto esta quinta-feira.

  • Suspeito de homicídio à porta do Luanda foi ouvido em tribunal e ficou em preventiva
    1:36

    País

    O suspeito de ser o autor dos disparos que mataram um jovem junto à discoteca Luanda foi ouvido em tribunal e ficou em prisão preventiva. Segundo a investigação, tudo terá começado com um mero desacato, ainda dentro da discoteca, onde a vítima e o detido foram filmados a discutir. O homem de 23 anos está indiciado por dois crimes de homicídio, um na forma tentada.

  • Romeu e Julieta nasceram no mesmo dia e no mesmo hospital

    Mundo

    Na Carolina do Sul, nos EUA, dois bebés tinham o parto marcado para 26 de março mas decidiram nascer mais cedo: exatamente no mesmo dia, apenas com uma diferença de 18 horas. Os pais não se conheciam e, curiosamente, deram o nome aos recém nascidos de Romeo e Juliet (em português, Romeu e Julieta).

  • Gelo nos polos recua para recordes mínimos

    Mundo

    A extensão de gelo polar dos oceanos Ártico e Antártico atingiu recordes mínimos a 13 de fevereiro, perdendo o equivalente a uma área maior do que o México, informou esta quarta-feira a agência espacial norte-americana NASA.

  • Túmulo de Jesus Cristo restaurado

    Mundo

    Após 10 meses de obras de restauro, o túmulo onde Jesus Cristo terá sido sepultado foi esta quarta-feira revelado numa cerimónia na igreja do Santo Sepulcro, em Jerusalém.