sicnot

Perfil

Mundo

Cinco condutores da Uber em Hong Kong detidos

A polícia de Hong Kong deteve cinco condutores da empresa norte-americana Uber na antiga colónia britânica, onde na terça-feira fez buscas as instalações da empresa de veículos com condutor, segundo o South China Morning Post (SCMP).

© Tyrone Siu / Reuters

Os condutores, com idades entre 28 e 65 anos, foram detidos no âmbito de uma operação em que agentes se fizeram passar por clientes e contrataram os serviços da empresa em vários locais de Hong Kong.

Depois de realizarem os percursos até ao destino final, na ilha de Kowloon, os condutores foram detidos por fornecerem serviços de transporte sem licença e por não disporem de seguro adequado, segundo o jornal publicado em língua inglesa.

Os cinco indivíduos foram depois libertados sob fiança e os automóveis foram apreendidos.

A polícia fez também rusgas nas instalações da Uber na ilha de Hong Kong (em Cheung Sha Wan Road e Sheung Wan) e interrogou três funcionários, que segundo o diário terão sido detidos, desconhecendo-se se entretanto foram libertados.

Os agentes levaram computadores e documentos dos escritórios.

"Acreditamos que há provas suficientes para processar os condutores", disse o inspetor-chefe da unidade de tráfego da polícia, Bruce Hung Hin-kay, citado pelo jornal.

A operação decorreu entre crescentes pressões por parte dos taxistas de Hong Kong para pôr fim aos serviços como os prestados pela Uber.

No interior da China, as autoridades fizeram buscas aos escritórios da Uber em várias regiões do país, como como Chengdu, capital da província central de Sichuan, ou Cantão, no sul.

Entretanto, a Didi Kuaidi, empresa responsável por uma popular aplicação móvel chinesa de busca de táxis, que funciona de forma similar à Uber, conseguiu um financiamento de 2.000 milhões de dólares (cerca de 1.800 milhões de euros), segundo a empresa no início de julho.

A Didi Kuaidi domina o mercado chinês dos serviços móveis de busca de transporte, com uma quota de mercado de 80%, em detrimento da Uber, apesar dos planos de expansão da companhia norte-americana e da sua aliança com o principal motor de busca chinês, Baidu.

Lusa

  • IPSS no Seixal alvo de processo e auditoria financeira
    1:47

    País

    A Segurança Social está fazer mais uma inspeção total a uma IPSS, agora na Associação Unitária de Reformados, Pensionistas e Idosos do Seixal. A fiscalização já recolheu documentação e está agora a passar a pente fino as contas, os serviços e todos os procedimentos da Instituição.

    Investigação SIC - Hoje no Jornal da Noite

    SIC

  • "Vai custar muito a voltarmos à realidade"
    2:22
  • Quando o frio até as pestanas congela

    Mundo

    Os termómetros desceram até aos - 67º Celsius em Yakutia, 5.300 quilómetros a Este de Moscovo, na Rússia. Nesta região, os estudantes estão habituados a manter as rotinas, mesmo quando as valores chegam aos - 40º Celsius, mas esta terça-feira as autoridades encerraram escolas e aconselharam a população a ficar em casa, longe do frio que até as pestanas congela.

    SIC

  • Quase 600 pedidos de nulidade de casamentos católicos em três anos
    1:38

    País

    Entre 2015 e 2017, 575 casais portugueses pediram a anulação do casamento católico. O ano passado o número de pedidos duplicou em relação a 2015. Desde esse ano, e por decisão do Papa Francisco, que os pedidos de nulidade do casamento pela Igreja são mais simples, mais baratos e mais rápidos.

  • "É preciso namorar bem para que o namoro dê certo"
    2:31

    País

    Rui Rio diz que a decisão sobre o futuro da liderança da bancada parlamentar do PSD só será tomada depois de falar com Pedro Passos Coelho e com Hugo Soares. Em entrevista à RTP, a primeira depois de vencer as diretas, o Rui Rio lembrou esta terça-feira que Passos Coelho ainda é líder do partido.

  • Deputado dorme no Parlamento britânico
    0:58