sicnot

Perfil

Mundo

Explosão na China fez pelo menos 44 mortos

EM ATUALIZAÇÃO

Explosão na China fez pelo menos 44 mortos

As explosões registadas na noite de quarta-feira num armazém de Tianjin, norte da China, causaram 44 mortos, mais 37 do que foi inicialmente estimado, disse hoje a agência noticiosa oficial chinesa Xinhua.Quanto a feridos, o balanço oficial aponta para 300 a 400. As causas ainda são desconhecidas, mas a violência do estrondo e, sobretudo, do incêndio que se seguiu é impressionante.

  • Explosão abalou Tianjin, o maior centro de comércio da China
    1:56

    Mundo

    A mega explosão na China está a ser notícia em todo o mundo e, logo nos momentos que se seguiram ao rebentamento, a SKY News falou com um responsável pelas relações comerciais britânicas em Pequim, que descreveu a cidade de Tianjin como o maior centro de comércio do país e adiantou que a explosão foi sentida a vários quilómetros de distância.

  • Casa Branca isolada devido a pacote suspeito

    Mundo

    A Casa Branca foi esta terça-feira isolada devido à presença de um pacote suspeito junto a uma das vedações que limitam o edifício governamental norte-americano. A situação já foi normalizada e o objeto retirado do local.

  • Inspetores do SEF cansados das promessas do Governo
    1:00

    País

    O sindicato do SEF garante que a segurança contra o terrorismo vai ser assegurada na greve de quinta-feira e sexta-feira nos aeroportos. Acácio Pereira, do sindicato, diz que os inspetores são quase escravos e que estão fartos das promessas do Governo. A greve deverá afetar cerca de 30 mil pessoas. 

  • Graça Fonseca, a primeira governante a assumir-se homossexual
    1:02

    País

    A secretária de Estado da Modernização Administrativa deu uma entrevista ao Diário de Notícias onde assume a sua homossexualidade. É a primeira vez que um governante português o faz. Graça Fonseca assume esta posição pública como uma "afirmação política".