sicnot

Perfil

Mundo

Pelo menos 300 feridos em série de mega explosões na China

Uma série de mega explosões foi esta quarta-feira registada na cidade chinesa de Tianjin, no nordeste do país. A explosão terá tido origem num armazém de explosivos, no porto da cidade, foi sentida a vários quilómetros e terá feito, pelo menos, 300 feridos.

A explosão terá tido origem num armazém de explosivos, no porto da cidade, foi sentida a vários quilómetros e terá feito, pelo menos, 300 feridos.

A explosão terá tido origem num armazém de explosivos, no porto da cidade, foi sentida a vários quilómetros e terá feito, pelo menos, 300 feridos.

Yue Yuewei / AP

O jornal Notícias de Pequim indicou que 300 a 400 pessoas feridas deram entrada num hospital, citando igualmente um funcionário de um outro hospital que diz que é impossível contar os doentes que chegaram depois da explosão.

Segundo o 'site' da BBC, a explosão terá ocorrido numa "estação de armazenamento de gasolina", na zona de Binhai, referindo a agência oficial chinesa Xinhua que se tratava de "um armazém com 'mercadorias perigosas'".

Ocorrida cerca das 23:30 locais (17:30 em Lisboa), a explosão causou um estrondo ensurdecedor e um incêndio, provocando nuvens de poeira, adiantou a Xinhua.

A BBC refere ainda que, segundo a emissora estatal chinesa CCTV, vários blocos de apartamentos próximos do local da explosão estão sem energia elétrica.

Com Lusa

  • Os likes dos candidatos às autárquicas no Facebook
    4:00

    Autárquicas 2017

    Se há mais de 5 milhões de portugueses no Facebook, é natural que as autárquicas também passem pela rede social mais usada no país e no mundo. A SIC apresenta-lhe os 10 candidatos cujas páginas têm mais seguidores e, para a comparação ser mais justa, os que têm mais seguidores em Portugal - porque há também quem estranhamente tenha milhares de fãs em países como Egito, Filipinas ou Vietname.

  • Sondagem prevê vitória de Basílio em Sintra e de Bernardino em Loures
    3:03
  • Menina mexicana encontrada viva sob os escombros nunca existiu
    2:24

    Mundo

    As autoridades mexicanas desmentiram a existência de uma menina de 12 anos sob os escombros da escola da capital. Frida Sofia afinal não existe e ainda ninguém assumiu quem fez circular a notícia. O sismo de magnitude 7,1 fez mais de 290 mortos e mais de 40 pessoas continuam desaparecidas.