sicnot

Perfil

Mundo

Estado norte-americano do Connecticut considera pena de morte inconstitucional

O Supremo Tribunal do Connecticut considerou hoje inconstitucional a aplicação da pena de morte naquele Estado norte-americano, salvando 11 presos que aguardavam a ordem de execução no corredor da morte.

AP

O Estado do Connecticut (nordeste dos Estados Unidos) aboliu a pena de morte em 2012, mas na altura a medida, só aplicável para crimes futuros, deixou de fora os condenados que já estavam no corredor da morte.

A deliberação de 92 páginas do Supremo Tribunal surge em resposta a um apelo de um condenado por homicídio: Eduardo Santiago, condenado à morte por injeção letal em 2005.

A pena de morte no Estado do Connecticut "já não comporta os padrões contemporâneos de decência e já não está ao serviço de qualquer propósito penológico (estudo das penalidades criminais ou das medidas de prevenção criminal) legítimo", referiu a instância judicial.

"Por essas razões, a execução destes infratores que cometeram crimes capitais antes de 25 de abril de 2012, violaria a proibição constitucional do Estado contra uma punição cruel e incomum", concluiu o texto.

Lusa

  • EUA manifestam preocupação pela condenação à morte de Mohamed Morsi
    2:00

    Mundo

    Os Estados Unidos manifestaram esta terça-feira uma grande preocupação com a sentença de condenação à morte do ex-Presidente do Egito. Mohamed Morsi viu a justiça egípcia confirmar a pena, num processo que envolve uma centena de militantes da Irmandade Muçulmana. A sentença foi ditada a 16 de maio e, na altura, bastante criticada. O julgamento diz respeito à rebelião que determinaria o fim do regime e que viria a conduzir à eleição de Morsi.

  • Partido Podemos com votação inédita em Espanha
    1:32

    Mundo

    Há uma votação inédita em Espanha. O Podemos começou esta terça-feira a decidir a continuidade do líder do partido, depois de Pablo Iglesias e a companheira terem comprado uma casa de 600 mil euros.

  • Reclusos limpam Ria Formosa
    3:01

    País

    Alguns reclusos do estabelecimento prisional de Olhão estão pela segunda vez a limpar a ilha da Armona, na Ria Formosa. São homens que beneficiam de regime aberto e, em fim de cumprimento de pena, têm com este trabalho uma amostra da liberdade que tanto aguardam.

  • A maior obra de reconversão urbana em Portugal 20 anos depois
    3:47