sicnot

Perfil

Mundo

Cinco luso-venezuelanos entre os canditados às eleições de dezembro na Venezuela

Cinco luso-venezuelanos figuram entre os 1.799 candidatos admitidos pelo Conselho Nacional Eleitoral (CNE) da Venezuela para as eleições parlamentares marcadas para 06 de dezembro deste ano.

Na Venezuela são frequentes as queixas dos cidadãos sobre a falta de segurança, situação que afeta tanto cidadãos nacionais como estrangeiros radicados no país. (Arquivo)

Na Venezuela são frequentes as queixas dos cidadãos sobre a falta de segurança, situação que afeta tanto cidadãos nacionais como estrangeiros radicados no país. (Arquivo)

© Tomas Bravo / Reuters

Em conferência de imprensa, a presidente da CNE, Tibisay Lucena, disse que do total de candidatos, 1.128 são homens e 671 são mulheres.

Tibisay Lucena disse ainda que algumas "organizações políticas não cumpriram com o estabelecido no regulamento sobre a paridade de género", tendo sido advertidos para a necessidade de fazerem as respetivas correções.

No que diz respeito à observação eleitoral, reivindicada pela oposição, Tibisay Lucena salientou que a Venezuela "não é um país tutelável" e alertou para o facto de existirem tentativas de desprestigiar o processo eleitoral venezuelano pelo que chamou de "turistas eleitorais" de outros países.

A presidente do CNE acrescentou, todavia, que o órgão mantém ativo "um programa de acompanhamento robusto", em que participam "acompanhantes" de Ásia, Europa e África, tendo convidado "académicos e parlamentares de reconhecimento internacional" para acompanhamento das distintas fases do processo eleitoral.

Os 1.799 candidatos vão disputar o voto dos 19,5 milhões de eleitores recenseados para a eleição dos 167 lugares que compõem o parlamento venezuelano, incluindo três representantes indígenas.

Lusa

  • "Nobel é um incentivo para toda uma nação"
    1:19

    Mundo

    O Presidente da Colômbia Juan Manuel dos Santos recebeu ao início da tarde na Noruega o prémio pelo trabalho que desenvolveu junto das Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia, FARC. As cerimónias são este sábado e marcadas pela ausência do Nobel da Literatura, Bob Dylan.

  • Os negócios menos claros do filho de Pinto da Costa
    1:55

    Football Leaks

    Com o escândalo dos agentes de futebol a dar que falar, o Expresso revela este sábado os negócios menos claros do filho de Pinto da Costa. O nome da empresa de que é administrador, a Energy Soccer, surge na investigação em transferências de jogadores que envolvem o Futebol Clube do Porto num conflito de interesses.

  • Sol e calor ficam para o Natal
    1:50

    País

    Com o Natal à porta, o sol teima em ficar um pouco por todo o país. Até a norte as temperaturas estão altas para esta época do ano com o distrito do Porto a rondar os 18 graus.

  • A história da guerra em Alepo
    7:43
  • Uma "cidade fantasma" na Letónia
    3:10