sicnot

Perfil

Mundo

PM do Japão sublinha dever de "não repetir a história" 70 anos depois da II Guerra

O primeiro-ministro do Japão, Shinzo Abe, defendeu hoje o compromisso de "não repetir a história" para as gerações futuras no memorial para assinalar o 70.º aniversário da rendição do seu país, que pôs fim à II Guerra Mundial.

© Reuters Staff / Reuters

"Agora, 70 anos depois do fim da guerra, nós os membros da geração atual renovamos o nosso compromisso de não repetir a história para que as gerações vindouras possam olhar para o futuro", disse Abe durante a sua intervenção na cerimónia organizada no estádio Nippon Budokan, em Tóquio.

Após o discurso do primeiro-ministro, foi cumprido um minuto de silêncio em memória das vítimas do conflito.

Lusa

  • Prosseguem buscas por condutor da carrinha no ataque em Barcelona
    2:38