sicnot

Perfil

Mundo

Países da África Austral reunidos para discutir crise alimentar

Os chefes de Estado dos 15 países da África Austral vão reunir-se na segunda-feira, no Botswana, para discutir a crise alimentar que está a atingir a região, onde mais de 25 milhões de pessoas necessitam de ajuda humanitária.

J. Scott Applewhite - AP Photos

De um total de 292 milhões de habitantes, 27,4 milhões de pessoas (cerca de 10%) confrontam-se com a falta de alimentos devido ao mau ano agrícola.

A produção de alimentos diminuiu drasticamente nos países da zona, de acordo com um relatório da Comunidade para o Desenvolvimento da África Austral (SADC) publicado em junho.

A falta de chuva e as temperaturas elevadas causaram efeitos preocupantes no volume de colheitas.

"O número de pessoas expostas à insegurança alimentar passou de 24,3 milhões no ano passado para 27,4 milhões em 2015, refere um outro relatório da SADC a que a agência France-Presse teve acesso.

De acordo com Margaret Nyirend, do Departamento de Agricultura da SADC, os chefes de Estado que se vão reunir a partir de segunda-feira em Gaborone vão previsivelmente lançar apelos individuais de apoio para os respetivos países.

A Namíbia, o Botswana, o Malawi e o Zimbabué são os Estados mais afetados pela penúria alimentar.

No Malawi e no Zimbabué regista-se mesmo a pior crise alimentar dos últimos 10 anos, segundo David Orr, porta-voz do Programa Alimentar Mundial (PAM).

O Zimbabué precisa de importar 700 mil toneladas de trigo para colmatar a descida de 49% da produção nacional de cereais que afeta diretamente um milhão e meio de pessoas.

No Malawi, 2,8 milhões de pessoas precisam de auxílio alimentar até ao final do ano.

O país é habitualmente o terceiro maior produtor de trigo da região, mas vai ser obrigado a importar cereais.

Lusa

  • Oposição diz que défice abaixo dos 2,3% se deve ao aumento de impostos
    2:24

    Economia

    O défice de 2016 vai ficar abaixo dos 2,3%, uma garantia dada pelo primeiro-ministro durante o debate quinzenal desta terça-feira. A oposição diz que o resultado é bom para o país mas que se deve a um aumento de impostos, feito pelo Governo no ano passado, e ao trabalho do PSD e do CDS nos anos anteriores.

  • Temperaturas negativas em várias zonas do país nos próximos dias
    1:57

    País

    O frio vai começar a fazer-se sentir nos próximos dias com as temperaturas a descerem para valores negativos em várias zonas do país. Em Lisboa, cinco estações de metro vão estar abertas durante a noite para albergar os sem-abrigo que também vão receber agasalhos e refeições quentes.

  • Medalha idêntica à de Anne Frank encontrada em campo nazi

    Mundo

    Um grupo de investigadores encontrou uma medalha praticamente igual à de Anne Frank, nas escavações ao campo nazi de extermínio Sobibor, na Polónia. Os especialistas do Memorial do Holocausto Yad Vashem em Israel acreditam que a medalha pertencia a Karoline Cohn, que pode ter conhecido Anne Frank.