sicnot

Perfil

Mundo

Não há sobreviventes do avião indonésio que se despenhou este fim de semana

Os corpos das 54 pessoas que iam a bordo do avião indonésio da Trigana Air, que caiu no fim de semana, foram hoje encontrados no local onde o aparelho se despenhou, na província de Papua.

Local onde se despenhou o aparelho da Trigana Air. Foto disponibilizada pela Agência de Busca e Resgate da Indonésia.

Local onde se despenhou o aparelho da Trigana Air. Foto disponibilizada pela Agência de Busca e Resgate da Indonésia.


"Não há sobreviventes. Foram encontrados os 54 corpos", disse à AFP no porta-voz do Ministério dos Transportes, J.A. Barata.

O avião perdeu contacto com a torre de controlo no domingo, 34 minutos depois de partir de Jayapura, capital da província de Papua, e dez minutos antes de chegar ao seu destino, Oksibil, no centro da ilha.

O avião transportava 44 adultos, cinco crianças e cinco membros da tripulação, num voo que deveria durar 45 minutos e com aterragem para pouco depois das 15:00 locais.

A Trigana Air é uma pequena companhia criada em 1991, que opera serviços domésticos para perto de 40 destinos na Indonésia.

Pequenas aeronaves são usadas com frequência para transportar pessoas para a zona montanhosa de Papua e o mau tempo já provocou vários acidentes nos últimos anos.

Lusa

  • BE diz que é urgente preparar o país para a saída do euro
    1:10

    País

    Catarina Martins diz que é urgente preparar o país para o cenário de saída do euro. No final da reunião da mesa nacional do Bloco de Esquerda, a coordenadora do partido criticou o encontro de líderes europeus em Roma e disse ainda que a Europa da convergência chegou ao fim.

  • "Mais UE não significa mais Europa"
    0:50

    País

    O secretário-geral do PCP insiste nas críticas à União Europeia. Um dia depois da comemoração dos 60 anos do Tratado de Roma, Jerónimo de Sousa defendeu, no Seixal, que o modelo europeu está esgotado e prejudica vários países, incluindo Portugal.

  • Mais de 50 detidos pela GNR em 12 horas

    País

    A GNR fez 51 detenções entre as 20:00 de sábado e as 08:00 de hoje, 39 das quais por condução sob efeito do álcool ou sem carta, e três por violência doméstica, segundo um comunicado hoje divulgado.

  • "Um Lugar ao Sol"
    17:05
    Perdidos e Achados

    Perdidos e Achados

    SÁBADO NO JORNAL DA NOITE

    O Perdidos e Achados foi conhecer como eram as férias de outros tempos. Quando o Estado Novo controlava o lazer dos trabalhadores e criava a ilusão de um país exemplar. Na Costa de Caparica, onde é hoje o complexo do INATEL estava instalada a maior colónia de férias do país, chamava-se "Um Lugar ao Sol".

  • Monumentos de 7 mil cidades às escuras por 1 hora
    2:51