sicnot

Perfil

Mundo

Viagra feminino teve luz verde das autoridades dos EUA

E à terceira foi de vez. Foi aprovada a comercialização, nos Estados Unidos, do primeiro Viagra feminino, um medicamento para aumentar a líbido das mulheres.

Allen G. Breed

A FDA, a Agência para a Alimentação e Medicamentos, já tinha recusado duas vezes a autorização de comercialização desta droga por ser controversa e com efeitos secundários, que vão constar da bula do medicamento.

A decisão do regulador norte-americano surge menos de dois meses depois de um painel consultivo ter concluído quo fármaco devia ser aprovado sob apertadas condições.

Os pacientes têm de ser informados dos riscos que estão a correr. A droga desenvolvida pla Sprout Pharmaceuticals vai agora ser vendida com o nome comercial de Addyi.

  • António Costa evita perguntas sobre estágios não remunerados
    1:55
  • "É evidente que não fecho a porta ao Eurogrupo"
    1:38

    Economia

    O ministro das Finanças diz que não fecha a porta ao Eurogrupo. A declaração é feita numa entrevista ao semanário Expresso. No entanto, Mário Centeno deixa a ressalva que qualquer ministro das Finanças do Eurogrupo pode ser presidente.

  • Trump adia decisão sobre permanência nos acordos de Paris
    1:48
  • Raízes de ciência e rebentos de esperança
    14:14