sicnot

Perfil

Mundo

Manifestações nos EUA após a morte de jovem negro pela polícia

Dezenas de pessoas manifestaram-se na quarta-feira nas ruas de St. Louis (Missouri, Estados Unidos), localidade próxima de Ferguson, depois de um jovem negro armado ter morrido na sequência de um confronto com a polícia.

Várias pessoas foram detidas por bloquearem a circulação das ruas da cidade e por lançarem objetos, incluindo pedras da calçada, contra as forças de segurança, informou a polícia de St. Louis.

Várias pessoas foram detidas por bloquearem a circulação das ruas da cidade e por lançarem objetos, incluindo pedras da calçada, contra as forças de segurança, informou a polícia de St. Louis.

© Lawrence Bryant / Reuters

Várias pessoas foram detidas por bloquearem a circulação das ruas da cidade e por lançarem objetos, incluindo pedras da calçada, contra as forças de segurança, informou a polícia de St. Louis.

Dois agentes da polícia municipal deslocaram-se na quarta-feira, com um mandado de busca, a um dos bairros mais conflituosos da cidade, mas antes que pudessem entrar na casa, dois jovens negros fugiram pela porta traseira, informou o chefe da polícia de St. Louis, Sam Dotson.

Os agentes ordenaram aos jovens que parassem, altura em que um deles apontou uma arma a um dos polícias, que, por sua vez, dispararam contra ele quatro vezes, matando-o, explicou Dotson.

O diário local St. Louis Post-Dispatch identificou o jovem morto como Mansur Ball-Bey, de 18 anos.

"Os agentes procuravam armas, estavam ali devido a crimes violentos, à procura de pessoas que tinham cometido crimes na vizinhança", disse Dotson, esclarecendo que a arma que o falecido apontou aos polícias era roubada e que os agentes encontraram também cocaína na casa.

Várias dezenas de manifestantes negros deslocaram-se ao local dos acontecimentos e manifestaram-se contra a polícia.

St. Louis fica próxima da Ferguson, onde morreu no ano passado o jovem negro Michael Brown, baleado por um polícia branco.

Lusa

  • Duas pessoas baleadas durante homenagem a Michael Brown nos EUA

    Mundo

    Pelo menos duas pessoas foram baleadas durante as cerimónias de homenagem a Michael Brown, um jovem negro abatido há um ano por um polícia em Ferguson. Os disparos ocorreram quando a polícia tentava dispersar um grupo de manifestantes que partiu montras, assaltou lojas e tentou bloquear o trânsito no percurso definido pela marcha.

  • A easyJet não está a oferecer bilhetes no Facebook. Cuidado, é uma burla

    País

    Se esteve no Facebook nos últimos dias, provavelmente reparou na oferta de dois bilhetes para uma viagem da easyJet, a propósito do 22.º aniversário da companhia aérea britânica. Uma viagem para dois tinha tudo para correr bem, não fosse um esquema de burla, criado para obter os dados pessoais dos utilizadores que partilham a publicação na rede social.

  • Big Ben em silêncio durante quatro anos
    2:15

    Mundo

    Esta segunda-feira ficou marcada pelas últimas badaladas dos famosos sinos do Big Ben, em Londres, no Reino Unido. A torre, na qual está instalada o relógio mais famoso do mundo, vai entrar em obras e os sinos só vão voltar a tocar em 2021.

  • Garrafa lançada ao mar em Rhodes recebe resposta de Gaza
    1:43

    Mundo

    A história parece de filme, mas aconteceu numa praia de Gaza. Um casal britânico lançou uma garrafa com uma mensagem ao mar, em julho, na ilha grega de Rhodes. A garrafa foi encontrada por um pescador numa praia de Gaza, que aproveitou para enviar a resposta, na qual falou sobre as restrições impostas por Israel.