sicnot

Perfil

Mundo

Coreia do Norte aceita discutir possível acordo de tréguas com Seul

A Coreia do Norte aceitou a proposta do governo sul-coreano para discutir um possível acordo entre os países. O encontro de alto nível decorre na cidade fronteiriça de Panmunjom, anunciou Seul.

© Kim Hong-Ji / Reuters

A Coreia do Norte ameaçou o Sul que iniciaria uma "guerra total" se Seul não suspendesse o que considera operações de propaganda.

O encontro decorre na cidade fronteiriça de Panmunjom pelas 18:00 locais (10:00 em Lisboa), de acordo com um porta-voz da presidência da Coreia do Sul.

Ao início da madrugada de hoje, a Coreia do Norte assegurou que as suas tropas estão preparadas para uma "guerra total" se Coreia do Sul não cumprir o ultimato exigido, numa altura de grande tensão militar entre os países. Pyongyang quer que Seul retire os altifalantes que emitem mensagens de propaganda contra o regime de Pyongyang na Zona Desmilitarizada (DMZ) que divide os dois países.

A Coreia do Sul disse na sexta-feira que os altifalantes, colocados na semana passada em resposta a um alegado ataque com minas por parte do Norte, "vão continuar a funcionar", segundo confirmou à Efe um porta-voz do Ministério da Defesa, o que gerou receios de um conflito de maior dimensão.

A tensão estalou na quinta-feira, quando Seul acusou Pyongyang de disparar contra uma das suas unidades militares, e respondeu com o lançamento de três dezenas de rondas de artilharia na direção do Norte.

Com Lusa

  • Novo dia de protestos contra expropriações na ilha do Farol
    2:30

    País

    A sociedade Polis Ria Formosa concluiu a tomada de posse das construções identificadas como ilegais na ilha do Farol, na Ria Formosa, em Faro. No segundo dia da operação, sob fortes protestos da população, os técnicos da Polis, escoltados pela Polícia Marítima, expropriaram hoje mais 18 construções.

  • Cunhado do Rei de Espanha em liberdade sem caução

    Mundo

    Inaki Urdangarin vai mesmo aguardar o desenrolar do recurso em liberdade na Suíça, onde o marido da Infanta Cristina tem residência oficial e onde terá de se apresentar às autoridades uma vez por mês, para além de estar obrigado a comunicar qualquer deslocação fora da Europa. De fora fica ainda o pagamento da caução de 200 mil euros pedida pelo Ministério Público espanhol.

  • Zeca Afonso morreu há 30 anos
    1:11
  • Compensa comprar a granel?
    8:39
  • "Isto é uma mentira e tem carimbo de Estado"
    2:12

    Opinião

    O preço das botijas de gás em Portugal duplicou nos últimos 15 anos. José Gomes Ferreira esteve no Jornal da Noite, da SIC, onde explicou este aumento, lembrando que a classe política prometeu que se houvesse mais empresas a operar no mercado, os preços desciam. Contudo, José Gomes Ferreira diz que "isto é uma mentira e tem carimbo de Estado". O Diretor-Adjunto de Informação SIC explicou que como o mercado é livre, os operadores vendem aos preços mais altos que podem, deste modo os preços não variam muito entre uns e outros.

    José Gomes Ferreira