sicnot

Perfil

Mundo

Autor de disparos em comboio em França interrogado por ligações à Síria

As autoridades francesas interrogaram hoje o homem que abriu fogo no comboio que fazia a ligação entre Amesterdão e Paris, indicando que já tinha visitado a Síria e era conhecido pelos serviços de informação.

© Pascal Rossignol / Reuters

O alegado atacante, o marroquino Ayob El Khazzani, de 25 anos, abriu fogo no comboio, fazendo dois feridos, na sexta-feira, mas foi imobilizado por três passageiros norte-americanos.

Armado com uma espingarda automática Kalashnikov, um revolver Luger, munições e uma faca, o atacante abriu fogo a bordo do comboio de alta velocidade logo após ter cruzado a fronteira da Bélgica para França.

Espera-se que o tiroteio leve ao reforço das medidas de segurança para os serviços internacionais de comboios na Europa.

Lusa

  • Corpos de portuguesas trasladados segunda-feira 
    1:27
  • Incendiários vão passar o verão com pulseira eletrónica

    País

    Os tribunais vão poder condenar os incendiários a penas de prisão domiciliária, com pulseira eletrónica, durante as épocas de incêndio. A nova lei foi aprovada na semana passada, na Assembleia da República, e aguarda a promulgação do Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa.

  • Estado vai tomar posse de terras abandonadas

    País

    O Governo vai recorrer ao Código Civil para permitir que o Estado tome posse de terras ao abandono. À margem da entrevista ao Expresso, o primeiro-ministro anunciou que o Governo irá acionar o artigo 1345º do Código Civil, que estabelece que as coisas imóveis sem dono conhecido se consideram do património do Estado.

  • "Trump, deixe-me ajudá-lo a escrever o discurso"
    0:47

    Mundo

    Arnold Schwarzenegger diz que Donald Trump tem o dever moral de se opor ao ódio e ao racismo. Num vídeo publicado nas redes sociais, o ator norte-americano e antigo governador da Califórnia encenou o discurso que Donald Trump devia ter. 

  • Hino da SIC tocado pela viola beiroa
    2:22