sicnot

Perfil

Mundo

Tufão Goni deixa dez mortos nas Filipinas e segue para o Japão

O tufão Goni, agora enfraquecido, dirige-se hoje para o Japão, depois de ter fustigado as Filipinas, onde causou dez mortos, e ter obrigado à evacuação de partes da costa de Taiwan.

Wally Santana

Hoje de manhã, o Goni atingia ventos de 170 quilómetros por hora, a 360 quilómetros das ilhas Batanes, nas Filipinas, e movia-se a 17 quilómetros por hora, segundo agência meteorológica filipina.

As Filipinas foram o país mais duramente atingido pela tempestade, que causou deslizamentos de terras e matou pelo menos dez pessoas, com 17 ainda desaparecidas na ilha de Luzon.

"Evacuações preventivas foram levadas a cabo na zona mas infelizmente algumas áreas não o fizeram com antecedência, mas apenas quando [a tempestade] estava a começar", disse Alexander Pama, chefe da proteção civil do país.

Lusa

  • Atacantes de Barcelona "não estão a caminho da nossa fronteira"
    7:00

    Ataque em Barcelona

    O diretor da Unidade Nacional de Contraterrorismo da Polícia Judiciária esteve esta sexta-feira no Jornal da Noite para falar sobre o duplo atentado em Espanha. Luís Neves diz que o nível de ameaça em Portugal, perante os ataques, não foi alterado porque "não se detectou que tenha existido informação que possa colocar o nosso território em perigo".

  • O regresso a casa depois do incêndio no Sardoal
    2:43
  • Cerca de 20 mil portugueses vivem em Barcelona
    1:44