sicnot

Perfil

Mundo

Um morto e nove feridos em nova explosão em fábrica de produtos químicos na China

Pelo menos uma pessoa morreu e nove ficaram feridas na sequência de uma explosão numa fábrica de produtos químicos na província chinesa de Shandong, no sábado, dez dias depois das explosões em Tianjin, informaram hoje as autoridades, citadas pela Xinhua.

Guo Xulei

A explosão, que aconteceu pelas 20:50 de sábado (13:50 em Lisboa) na localidade de Huantai provocou um incêndio, que foi apagado durante a madrugada, segundo as autoridades.

A maior preocupação prendia-se com a proximidade da fábrica a uma zona residencial, que se encontrava a um quilómetro de distância, onde muitas casas ficaram danificadas.

Segundo publica hoje a imprensa oficial chinesa, a explosão fez-se sentir num raio de dois quilómetros.

Na fábrica, propriedade da empresa Shandong Runxing Chemical Technology, produzia-se adiponitrila, um composto químico líquido inflamável que liberta gases tóxicos ao arder.

As autoridades locais insistem que não se detetou nenhuma evidência de que a explosão tenha provocado contaminação.

As causas da explosão ainda estão a ser investigadas mas acredita-se que uma das máquinas da fábrica ter-se-á incendiado, explodindo.

O incidente aconteceu dez dias depois das explosões num terminal de contentores no porto de Tianjin, o mais importante do norte da China, em que morreram pelo menos 121 pessoas e registaram-se mais de 700 feridos, com 60 pessoas ainda desaparecidas.

O acidente de Tianjin aconteceu numa zona onde eram armazenadas mais de 700 toneladas de cianeto de sódio, um composto altamente tóxico.

Lusa

  • As primeiras decisões do Presidente Trump
    1:39
  • "Há sobretudo um fosso entre o discurso que Trump faz e os de Obama"
    6:13

    Opinião

    Cândida Pinto e Ricardo Costa analisaram a tomada de posse de Donald Trump. O diretor de informação da SIC disse que o discurso de Trump "mexe com a sua base de apoio" e defende que "a grande questão não vai ser a relação com a Rússia, mas sim com a China". Já a Editora de internacional disse que o discurso foi "voltado para dentro, nacionalista, partidarista, com ataque à elite de Washington".

    Ricardo Costa e Cândida Pinto

  • Celebridades protestam contra Trump
    3:00

    Mundo

    Tem sido assim desde a campanha e continua. Grande parte da comunidade de artistas não está nada contente com o Presidente eleito. Vários artistas aproveitaram o dia da tomada de posse para se reunirem em Nova Iorque e protestarem contra Donald Trump.

  • Artista que criou poster de Obama quer invadir EUA com símbolos de esperança

    Mundo

    Shepard Fairey - o artista por trás do tão conhecido cartaz vermelho e azul "Hope" de Barack Obama, durante a campanha eleitoral de 2008 nos EUA - produziu uma série de novas imagens a tempo da tomada de posse de Donald Trump, na sexta-feira. Agora, o artista e a sua equipa querem manifestar uma posição política com a campanha "We The People", contra as ideias que o Presidente eleito tem defendido.

  • Encontrados dez sobreviventes no hotel engolido por um avalanche em Itália
    1:44
  • Cantora brasileira conhecida pela "Lambada" terá sido assassinada
    1:25

    Mundo

    Terá sido assassinada a cantora brasileira conhecida em Portugal pela "lambada", um ritmo que marcou o fim dos anos 90. Foi encontrada carbonizada dentro do próprio carro depois de assaltada em casa. Três suspeitos suspeitos do homicídio da cantora Loalwa Braz foram já detidos.