sicnot

Perfil

Mundo

Rapaz destrói quadro ao escorregar em visita a museu

Rapaz destrói quadro ao escorregar em visita a museu

Um rapaz de 12 anos destruiu um quadro no valor de 1,4 milhões de euros, ao escorregar e enfiar o braço na obra de arte com 350 anos, durante a visita a um museu em Taipé.

O rapaz levava uma bebida na mão quando escorregou para cima do quadro "Flowers" ("Flores"), uma pintura a óleo da autoria de Paolo Porpora.

O canal de televisão Focus Taiwan News afirma que os organizadores da exposição - "Face of Leonardo: Images of a Genius" - já garantiram que não vão pedir o reembolso dos custos da reparação da obra à família do menino. A estação cita Sun Chi-hsuan, segundo o qual o ato foi involuntário, pelo que não deve ser responsabilizado.

A obra "Flowers" é, de acordo com a Web Gallery of Art - uma base de dados sobre arte europeia -, o único quadro de Paolo Porpora que está assinado e data de 1660. Porpora nasceu em Nápoles mas mudou-se para Roma, onde trabalhou para a família Chigi.

  • Com a multiplicação de bons indicadores económicos e financeiros do país, multiplicam-se os elogios ao Governo e declaram-se mortas e enterradas as políticas do passado recente, nomeadamente a da austeridade. Nada mais errado. O que os bons resultados agora alcançados provam definitivamente é que a austeridade resolveu de facto os problemas das contas públicas e, mais do que isso, contribuiu para o crescimento económico que foi garantido por reformas estruturais e pela reorientação do modelo económico.

    José Gomes Ferreira

  • Raízes de ciência e rebentos de esperança
    14:14
  • Portugal pode ser atingido por longos períodos de seca

    País

    Portugal e Espanha podem ser atingidos até 2100 por 'megasecas', períodos de seca de dez ou mais anos, segundo os piores cenários traçados num estudo da universidade britânica Newcastle, que tem a participação de uma investigadora portuguesa.

  • G7 reforça compromisso na luta contra o terrorismo
    2:11