sicnot

Perfil

Mundo

Morreu o suspeito de assassinar dois jornalistas nos EUA

ÚLTIMA HORA

O suspeito de assassinar dois jornalistas, nos Estados Unidos, morreu depois de ter disparado sobre si próprio. As autoridades anunciaram que Vester Lee Flanigan acabou por morrer no hospital.

Vester Lee Flanagannews.sky.com

Vester Lee Flanagannews.sky.com

Vester Lee Flanigan, que profissionalmente usava o nome 'Bryce Williams', era um antigo repórter daquela estação televisiva.

O atacante publicou na Internet um vídeo com imagens do crime e na sua conta na rede social Twitter deixou várias mensagens sobre o incidente, numa das quais acusava uma das vítimas de ter proferido anteriormente "fez comentários racistas".

Tanto a sua conta no Twitter como a página em seu nome no Facebook foram entretanto suspensas.

Dois jornalistas do canal televisivo WDBJ7 foram mortos a tiro hoje de manhã durante uma transmissão em direto, segundo a agência noticiosa France Presse (AFP).

No vídeo transmitido pela afiliada local da televisão CBS, tiros podem ser ouvidos antes de o operador de câmara, Adam Ward, de 27 anos, cair no chão.

Alison Parker, de 24 anos, repórter que apresentava a reportagem que faria parte do programa matinal do canal televisivo, também foi morta.

Vicki Gardner, diretora de uma Câmara de Comércio regional que estava a ser entrevistada sobre os 50 anos da sua instituição, foi atingida nas costas e foi submetida a uma cirurgia de emergência, permanecendo em situação "estável".

Inicialmente o suspeito fugiu de automóvel, o que levou a polícia a colocar barricadas nas estradas e motivou o encerramento de várias escolas na zona.

"Não sabemos o motivo", declarou o diretor da estação, Jeffrey Marks.

"Eles estavam apenas a fazer o seu trabalho", afirmou.

Contratado em 2000, o jornalista foi despedido no mesmo ano "após vários incidentes em que a sua raiva veio à superfície", tendo precisado de ser expulso do edifício da WDBJ7 pela polícia.

O governador do estado norte-americano, Terry McAuliffe, declarou estar "de coração destroçado por estas mortes sem sentido".

A WDBJ7 opera a partir da cidade de Roanoke, no estado de Virgínia, a cerca de 385 quilómetros a sudoeste da capital, Washington.

O incidente ocorreu na localidade de Moneta, perto de Roanoke.

Com Lusa

  • Quem deve ser o próximo treinador do FC Porto?

    Desporto

    Nuno Espírito Santo já não é treinador do FC Porto. O técnico e o clube chegaram a acordo mútuo para a rescisão do contrato, que o ligava por mais uma temporada aos dragões. Nuno Pinto da Costa tem agora que encontrar um novo treinador para orientar dos "dragões". Os nomes em cima da mesa são vários. Diga-nos quem deve ser o novo treinador do FC Porto.

  • Os treinadores do FC Porto desde o último título 

    Desporto

    Nunca o FC Porto esteve quatro anos consecutivos sem ganhar um título durante a presidência de Nuno Pinto da Costa. A ausência de vitórias teve início na época de 2013/14, quando começou uma autêntica dança de treinadores.

  • Julgamento do caso BPN deverá terminar quarta-feira
    4:38

    Economia

    O acórdão do processo principal do BPN vai ser tornado público esta quarta-feira, depois de quase sete anos de audições. O rosto principal é o de José Oliveira Costa mas há outros 14 arguidos sentados no banco dos réus.

  • "Michel Temer nunca teve vergonha, não tem cara de pessoa de bem"
    3:04

    Opinião

    Miguel Sousa Tavares analisou no habitual espaço de comentário do Jornal da Noite  da SIC, o escândalo com o Presidente do Brasil, Michael Temer. O comentador diz que já era previsível que Temer fosse apanhado com "o pé na poça" e afirma que o Presidente brasileiro nunca teve qualquer tipo de vergonha. Miguel Sousa Tavares fez ainda referência ao facto de Dilma Rousseff ser, entre todos os políticos brasileiros, a única que não tem processos contra ela.

    Miguel Sousa Tavares

  • Divulgado vídeo dos bambardeamentos contra o Daesh no Iraque
    0:42
  • Leão-marinho arrasta criança de doca em Vancouver
    0:51

    Mundo

    O momento em que um leão-marinho arrasta uma menina para a água foi gravado e publicado na internet. Sem nada que fizesse prever, o animal puxou a criança que estava sentada numa doca em Vancouver, no Canadá. A criança foi resgatada de imediato por um familiar e apesar do susto não sofreu ferimentos. O momento de aflição foi testemunhado por vários turistas.