sicnot

Perfil

Mundo

Um dos principais comandantes do Boko Haram detido, revela a secreta da Nigéria

O serviço de informações nigeriano anunciou hoje a detenção de suspeitos de serem responsáveis do Boko Haram, entre os quais um dos principais comandantes do grupo radical islâmico, que estarão ligados a vários atentados suicidas em todo o país.

© Stringer . / Reuters

O Departamento de Segurança do Estado (DSS) indicou num comunicado ter detido, entre julho e agosto, Usman Shuiabu, conhecido como Money, e outros membros destacados do grupo fundamentalista, nos estados de Lagos, Kano, Plateau, Enugu e Gombe.

O DSS assinala a detenção "a 08 de julho de 2015, no estado de Gombe (nordeste), de responsáveis pela coordenação e execução dos atentados suicidas de Potiskum, Kano, Zaria e Jos".

"Shuaibu confessou ser o líder de uma equipa de nove membros da seita, enviados da floresta de Sambisa para realizar ataques. Revelou que quatro dos nove foram utilizados como suicidas para cometer atentados", indica o comunicado.

O DSS afirma que a detenção de Shuaibu e dos outros membros daquela célula permite travar os ataques do grupo nigeriano.

Nas últimas semanas, os islamitas realizaram ataques mortíferos ao longo das fronteiras da Nigéria, nos Camarões e no Chade, entre os quais atentados suicidas.

A violência do Boko Haram -- que pretende instaurar um estado islâmico no norte da Nigéria, maioritariamente muçulmano ao contrário do sul de maioria cristã -- e a repressão governamental causaram mais de 15.000 mortos e 1,5 milhões de deslocados desde 2009.

Lusa

  • As IPSS são estruturantes no país. Fazem o que Estado não faz porque não pode, não quer, ou não chega a tudo. Chama-se sociedade civil a funcionar. E o Estado subsidia, ajuda, (com)participa, apoia. Nada contra. A questão é quando as IPSS e outras instituições, fundações, associações, federações e quejandas se tornam verdadeiras "indústrias".

    Pedro Cruz

  • O ano "saboroso" de António Costa
    0:51

    País

    António Costa diz que 2017 foi um ano "saboroso" para Portugal. Num encontro com funcionários portugueses, em Bruxelas, antes do Conselho Europeu desta quinta-feira, o primeiro-ministro realçou o que o país conquistou no último ano, no plano europeu, e que culminou com a eleição de Mário Centeno para a Presidência do Eurogrupo.

  • Os Simpsons já sabiam em 1998 que a Fox iria pertencer à Disney

    Cultura

    Os Simpsons acertaram outra vez. Algo que tem acontecido regularmente nos últimos tempos, com a eleição de Donald Trump, o aparecimento do vírus Ébola ou o escândalo dos Panama Papers. Desta vez, a previsão remonta a 1998, quando a série previu que a 20th Century Fox iria pertencer à Disney.

    SIC