sicnot

Perfil

Mundo

Nova Iorque lança concurso para ver papa Francisco no Central Park

As autoridades de Nova Iorque decidiram criar uma espécie de "lotaria" para distribuir bilhetes para a procissão que será presidida este mês no Central Park pelo papa Francisco, no âmbito da sua primeira visita oficial aos Estados Unidos.

© Mike Segar / Reuters

"A 25 de setembro, o papa Francisco vai saudar os milhares de convidados durante uma procissão histórica em Central Park", indicou a câmara de Nova Iorque, num comunicado.

Devido à limitação do emblemático parque em Manhattan, os nova-iorquinos que quiserem assistir à cerimónia terão de obter bilhetes que serão posteriormente sorteados numa espécie de "lotaria" nos dias 03 e 07 de setembro na página na Internet da autarquia.

"A procissão em Central Park vai dar a milhares de nova-iorquinos a oportunidade de estar cara-a-cara com o papa Francisco", afirmou o presidente da câmara de Nova Iorque, Bill de Blasio, citado no mesmo comunicado.

"Estamos orgulhosos de receber na nossa cidade uma das vozes mais poderosas do mundo e estamos gratos à arquidiocese pela cooperação, dando a muitos nova-iorquinos a oportunidade de se juntarem a esta visita histórica", acrescentou o autarca.

O papa Francisco inicia a sua primeira visita oficial aos Estados Unidos no dia 22 de setembro.

Em Washington, o pontífice terá, no dia 23, um encontro com o Presidente Barack Obama e discursa, no dia seguinte, no Congresso norte-americano.

Francisco será o primeiro papa na história a dirigir-se às duas câmaras do Congresso norte-americano (Câmara dos Representantes e Senado).

Ainda na capital federal, Francisco reúne-se com bispos norte-americanos na catedral de São Mateus o Apóstolo e irá celebrar uma missa de canonização do Beato Junípero Serra (1713-1784), franciscano espanhol que evangelizou a Califórnia e o México no século XVIII.

O pontífice viaja depois para Nova Iorque onde terá uma agenda bastante carregada, incluindo a celebração das vésperas, no dia 24, com membros do clero na catedral São Patrício.

No dia seguinte, dia 25, o papa faz uma intervenção diante da Assembleia-geral das Nações Unidas, celebrando depois uma missa no complexo Madison Square Garden e a procissão no Central Park.

Ainda nesse dia, Francisco vai visitar o memorial e o museu dos atentados do 11 de setembro e uma escola primária centenária no bairro nova-iorquino de Harlem. O pontífice vai ainda encontrar-se com menores que entraram sozinhos e de forma ilegal nos Estados Unidos.

O papa deixa Nova Iorque no dia 26 de setembro e segue para Filadélfia, onde vai participar no encerramento do VIII Encontro Mundial de Famílias.

Antes de iniciar a visita aos Estados Unidos, Francisco desloca-se a Cuba.

O processo histórico do restabelecimento das relações diplomáticas entre os dois países, que estão separados unicamente pelos 150 quilómetros do Estreito da Florida e que viveram de costas voltadas durante mais de meio século, contou com a colaboração do Vaticano.

Lusa

  • Marcelo lembra as consequências da demissão de Vítor Gaspar
    1:06

    Caso CGD

    O Presidente da República reitera que o assunto Caixa Geral de Depósitos está fechado. Em entrevista à TVI, Marcelo Rebelo de Sousa lembrou esta segunda-feira as consequências que a demissão de Vítor Gaspar, ministro das Finanças em 2013, provocou no sistema financeiro para justificar o facto de ter intervindo na polémica com as SMS trocadas entre Mário Centeno e António Domingues.

  • PSD e CDS admitem chamar António Costa à nova Comissão de Inquérito à CGD
    2:37

    Caso CGD

    PSD e CDS admitem chamar o primeiro-ministro à nova Comissão de Inquérito à CGD. Apesar de ser uma hipótese, a SIC sabe que os dois partidos ainda estão a definir o objeto do inquérito e, por isso, afirmam que é prematuro falar sobre eventuais audições. Seja como for, António Costa voltou esta segunda-feira a dizer que o assunto está encerrado.

  • Acha que conhece o seu país?
    27:42
  • Avioneta despenha-se em centro comercial de Melbourne

    Mundo

    Uma avioneta com cinco pessoas a bordo caiu num centro comercial perto do aeroporto de Essendon em Melbourne, capital da Austrália. Segundo a polícia do estado de Vitória tratava-se de um voo charter com destino a King Island, situada entre a parte continental da Austrália e a ilha da Tasmânia.

  • Pelo menos 18 detidos em protestos no Rio de Janeiro

    Mundo

    Pelo menos 18 pessoas foram esta segunda-feira detidas no Rio de Janeiro, Brasil, depois de confrontos com a polícia durante um protesto contra a privatização da empresa pública de saneamento, que serve o terceiro estado mais povoado do país.

  • O momento em que Kim Jong-nam terá sido envenenado
    1:21

    Mundo

    A investigação ao homicídio do meio-irmão do líder da Coreia do Norte no aeroporto da capital da Malásia está a provocar uma crise diplomática entre os dois países. Esta segunda-feira, um canal de televisão japonês divulgou imagens das câmaras de vigilância do aeroporto que alegadamente captam o momento em que Kim Jong-nam terá sido envenenado.

  • O atentado na Suécia inventado por Donald Trump
    2:12
  • Os ensaios para a maior festa do ano
    1:16

    Mundo

    Em contagem decrescente para o Carnaval, no Rio de Janeiro, já começaram os ensaios para a maior festa do ano. A noite de testes na avenida Marquês de Sapucaí conta com desfiles gratuitos.