sicnot

Perfil

Mundo

Advogado diz que não há ilegalidade na morte do leão Cecil

O advogado de defesa do dentista norte-americano que matou o famoso leão zimbabueano Cecil considera não haver base legal para afirmar que o seu cliente, Walter Palmer, tenha feito algo de errado ao abater o felino.

AP

Na primeira entrevista dada após meses de silêncio desde a controversa caçada ao leão no Parque Nacional Hwange, no Zimbabué, o dentista norte-americano disse ao jornal Minneapolis Star Tribune que não tinha ideia de que o felino era uma atração do parque e negou confirmar se irá acatar a decisão do tribunal zimbabueano que exige a sua extradição para aquele país africano.

O advogado de Walter Palmer, presente na entrevista, assegurou que não "havia alegações oficiais de que ele (o dentista) tenha feito algo de errado" ao abater o leão.

Após meses de ausência no trabalho, o médico norte-americano anunciou que regressará esta terça-feira a sua clínica que, durante dias, foi palco de vários protestos contra a atuação do dentista no Zimbabué.

A contestação contra os seus atos estendeu-se às redes sociais.

No dia 28 de setembro, o tribunal de Hwange, perto da reserva onde decorreu a controversa caçada, vai ouvir novamente o organizador do safari, Theo Bronkhorst, caçador profissional zimbabueano.

Segundo a acusação, o proprietário do terreno no qual Cecil foi abatido não tinha quota para abater um leão. De acordo com informações não confirmadas, o animal, que tinha um dispositivo GPS porque era seguido no quadro de um estudo científico, foi atraído para fora da reserva.

As autoridades norte-americanas também abriram um inquérito para investigar o caso.

Lusa

  • Passos nega que resultado das autárquicas ponham em causa liderança do PSD
    7:46
  • PS e PSD trocam acusações sobre Tancos
    1:18
  • Homens vítimas de violência doméstica
    31:17
  • Marcelo mergulha na baía de Luanda
    0:45
  • Marcelo garante que relações com Angola "estão vivas"
    1:50

    País

    Marcelo Rebelo de Sousa sublinhou esta segunda-feira as boas relações entre Portugal e Angola. À chegada a Luanda para a posse do novo Presidente angolano João Lourenço, o chefe de Estado português aproveitou para tomar um banho de mar.

  • Défice chegou aos 2.034 milhões em agosto
    1:51

    Economia

    O défice do Estado caiu 1.900 milhões de euros até agosto, em comparação com o ano passado. A recuperação da economia ajudou a baixar o défice, com mais receitas e impostos acima do esperado. Já a despesa pública ficou praticamente inalterada e os pagamentos do Estado em atraso subiram.

  • Morreu a egípcia que chegou a pesar 500 quilos

    Mundo

    A egípcia Eman Ahmed Abd El Aty, de 37 anos, que chegou a pesar 500 quilos, morreu num hospital de Abu Dabi, nos Emirados Árabes Unidos, devido a complicações cardíacas na sequência do seu excesso de peso.