sicnot

Perfil

Mundo

Coreias acordam realizar encontro de familiares separados em outubro

A Coreia do Sul e a Coreia do Norte acordaram hoje realizar em outubro o encontro de familiares separados pela guerra de 1950-53, informou o Ministério da Unificação de Seul.

© Kim Hong-Ji / Reuters

O encontro, o segundo em cinco anos, vai acontecer entre 20 e 26 de outubro, no resort de Monte Kumgang, na Coreia do Norte.

A Cruz Vermelha sul-coreana começou, na semana passada, um processo de 15 dias para localizar as mais de 66.000 pessoas com familiares no país vizinho.

Nas últimas três décadas, um total de 129.264 pessoas na Coreia do Sul pediram para participar neste tipo de eventos, segundo dados do Ministério da Unificação.

O Governo sul-coreano já expressou, em várias ocasiões, o seu desejo de que estes encontros se celebrem de forma regular, já que centenas de idosos morrem anualmente sem terem conseguido ver os seus familiares do outro lado da fronteira.

Desde 1985 organizaram-se 19 encontros em que participaram cerca de 4.000 pessoas. A maioria das reuniões ocorreu a partir do ano 2000 e a última deu-se em fevereiro de 2014.

  • Passos elogia escolha de Paulo Macedo mas diz que não é suficiente
    1:47

    Caso CGD

    Pedro Passos Coelho diz que Paulo Macedo é competente para liderar os destinos da Caixa Geral de Depósitos, mas que a nomeação do antigo ministro não é suficiente para passar uma esponja sobre o assunto. Em Viseu, o líder do PSD não quis ainda avançar com um nome para a Câmara de Lisboa, depois de Santana Lopes afastar a hipótese de se candidatar.

  • O impacto e as consequências do referendo em Itália
    1:02
  • O novo coala do zoo de Lisboa
    3:10

    País

    A SIC acompanhou em exclusivo a transferência de uma coala da Alemanha para o Zoo de Lisboa. O animal veio de avião e foi batizado pelos passageiros que seguiam a bordo. Ficou com o nome de Goolara. O coala é uma fêmea, com quase dois anos, e veio para aumentar a família da mesma espécie em Portugal.

  • Jovens do exército russo aderem ao Desafio do Manequim
    1:01

    Mundo

    Na Rússia, o grupo de jovens do exército também já aderiu ao famoso Mannequin Challenge. O vídeo foi divulgado pelo Ministério da Defesa russo. O objetivo é mostrar o dia-a-dia do chamado exército de jovens, cuja principal missão passa por sensibilizar os russos para a necessidade de cumprir o serviço militar obrigatório.