sicnot

Perfil

Mundo

População em África vai quadruplicar e Índia será o país mais populoso

A população em África deverá quadruplicar num século para 4,4 mil milhões de pessoas, enquanto a Índia deve roubar à China a condição de país mais populoso do mundo até 2030, referem projeções de um instituto francês.

Themba Hadebe

Segundo as projeções do Instituto Nacional de Estudos Demográficos, que vão ser divulgadas quarta-feira, em 2015, a população mundial deverá chegar aos 7,5 mil milhões de pessoas e deverá continuar a crescer até 11 mil milhões até ao final do século.

"É uma ilusão acreditar que a população mundial vai diminuir, mesmo que haja um declínio da fertilidade. A maioria dos 10 mil milhões de pessoas que vai viver em 2050 já nasceu e muitos estão em idade fértil", disse Gilles Pison, autor do estudo.

Sobre os conflitos e o recente fluxo de refugiados, Gilles Pison estimou que vão ter "consequências transitórias, localmente, mas o seu impacto é baixo na escala demográfica".

"Especialmente porque não se saber quanto tempo os refugiados ficam nos países de acolhimento", salientou.

Para o autor do estudo, uma das grandes mudanças vai ser o "enorme aumento da população em África, que poderá quadruplicar até ao final do século" de 1,2 mil milhões de habitantes em 2015 para 4,4 mil milhões em 2100.

Enquanto hoje um em cada seis pessoas vive em África, no final do século deverá viver uma em cada três.

O aumento deverá ocorrer na África subsaariana, onde a população poderá crescer de 950 milhões em 2015 para quase 4 mil milhões em 2100.

"A fecundidade baixou em África, mas continuar a ser a mais elevada do mundo com 7,6 filhos por mulher no Níger contra uma média de 2,5 no planeta", disse o pesquisador, salientando que a taxa de natalidade mais baixa está em Portugal e na Coreia do Sul com 1,2 filhos por mulher.

O pesquisador disse também que a Índia se vai tornar no país mais populoso do mundo, destronando a China.

"É quase uma certeza", afirmou.

Hoje, a China é o país mais populoso do mundo com 1,4 mil milhões de pessoas, mas a Índia, que atualmente tem 1,3 mil milhões de pessoas.

Segundo o pesquisador, a população na Índia está a crescer mais devido ao aumento da fertilidade, que passou para 2,3 filhos por mulher. Na China, a taxa de fertilidade é de 1,7 filhos.

"A tendência já é clara. Nasceram 28 milhões de crianças na Índia este ano, contra os 17 milhões registados na China. A Índia em breve será o país mais populoso", disse.

Globalmente, a população mundial aumentou sete vezes ao longo dos últimos dois séculos, com três vezes mais nascimento do que mortes.

No entanto, o crescimento da população está a desacelerar. Depois de um pico de mais de 2% há 50 anos, o crescimento diminuiu para metade, e é esperado que continue a cair até à estabilização da população mundial em um século.

Lusa

  • Sporting de Braga afastado da Liga Europa

    Liga Europa

    O Sporting de Braga derrotou esta quinta-feira o Marselha, em Braga, por 1-0, na segunda mão dos 16 avos de final da Liga Europa. Um triunfo insuficiente para o apuramento, depois do desaire da equipa minhota em França (3-0).

  • Sporting nos oitavos de final da Liga Europa

    Liga Europa

    O Sporting garantiu esta quinta-feira o apuramento para os oitavos de final da Liga Europa, ao empatar frente ao Astana, em Alvalade, a três golos, na segunda mão dos 16 avos de final, depois de ter triunfado no Cazaquistão por 3-1. Veja ou reveja todos os golos do encontro.

  • Os 36 golos dos 16 avos da Liga Europa

    Liga Europa

    A jornada europeia ficou marcada, no panorama das equipas portuguesas, pelo apuramento do Sporting e pela eliminação do Sporting de Braga. Os leões passam assim a ser o único clube luso em prova na Liga Europa. Nos oitavos de final, o emblema de Alvalade pode encontrar adversários como o Arsenal, o Atlético de Madrid ou o AC Milan. O sorteio realiza-se esta sexta-feira, ao meio-dia. Aqui, veja ou reveja todos os golos da segunda mão dos 16 avos de final da Liga Europa.

  • "O dia a dia na Síria também é lutar por um pão"
    10:13

    Mundo

    Desde domingo que os bombardeamentos do regime sírio a Ghouta já fizeram mais de 400 mortos. Ghouta é o último reduto rebelde nos arredores da capital da síria, onde as forças fiéis a Bashar Al Assad iniciaram no domingo uma intervenção militar de larga escala. Cândida Pinto, editora de Internacional da SIC, e a psicóloga Maria Palha, que já esteve na Síria ao serviço dos Médicos Sem Fronteiras, estiveram na Edição da Noite da SIC Notícias para falar sobre o assunto.

  • O estranho caso do mergulhador Alejandro Ramos

    Mundo

    O mergulhador Alejandro Ramos tornou-se num caso de investigação do Centro Médico Naval do Peru, depois do seu corpo ter começado a inchar sem qualquer explicação aparente. Isto aconteceu há quatro anos, minutos depois de ter emergido da água, onde tinha estado a trabalhar durante muitas horas.

    SIC

  • Jane Seymour posa para a Playboy aos 67 anos

    Cultura

    Esta é a terceira vez que a atriz inglesa de 67 anos participa numa sessão fotográfica para a revista Playboy. Jane Seymour aproveitou a oportunidade para se juntar ao movimento #MeToo e falar sobre as agressões sexuais que sofreu às mãos de um produtor, em 1972.

  • Não dá mais, Brasil!
    18:00
  • Proposta de um cessar-fogo na Síria sem acordo

    Mundo

    O embaixador da Rússia junto das Nações Unidas afirmou esta quinta-feira que os 15 membros do Conselho de Segurança não alcançaram um acordo para aprovar um cessar-fogo de 30 dias na Síria, proposta negociada há mais de duas semanas.