sicnot

Perfil

Mundo

Professor suspeito de matar colega em universidade dos EUA suicida-se

Um professor de Geografia da universidade estatal Delta, no Estado norte-americano do Mississípi, suspeito de matar a tiro um colega, suicidou-se na segunda-feira à noite, informou a polícia.

AP

O suspeito, identificado como Shannon Lamb e que há várias horas fugia da polícia, disparou sobre si mesmo, revelaram as autoridades.

Suspeita-se que Lamb também esteja ligado à morte violenta de uma mulher encontrada em sua casa, com quem mantinha uma relação sentimental.

O professor falecido, contra quem Lamb terá disparado duas vezes quando trabalhava no seu gabinete na universidade, é Ethan Schmidt, lecionava História e tinha cerca de 50 anos.

A mulher é Amy Prentiss, de 41 anos, cujo cadáver foi encontrado na segunda-feira na casa em que vivia com Lamb.

A universidade Delta, com 3.500 estudantes, ordenou a suspensão das aulas e cancelou os planos para celebrar hoje o 90.º aniversário do campus.

  • Mação volta a enfrentar dias de pânico
    3:33
  • Cenário mais estável no Sardoal
    0:55

    País

    O presidente da Câmara do Sardoal, Miguel Borges, disse esta manhã que a situação está mais calma. No entanto, o autarca pede que não se desmobilizem os meios porque a situação pode mudar de forma imprevisivel. Miguel Borges alertou ainda para o cansaço dos bombeiros e agentes da Proteção Civil.

  • Detida no Brasil portuguesa acusada de várias burlas nos últimos 20 anos
    3:04

    Mundo

    A Polícia do Rio de Janeiro deteve uma portuguesa acusada de várias burlas nos últimos 20 anos. Ana Resende fazia-se passar por funcionária do consulado e prometia vistos e outros documentos para tirar dinheiro das vítimas. Esta é a terceira vez que a polícia brasileira detém a portuguesa por acusações de burla.