sicnot

Perfil

Mundo

Rei saudita sanciona construtora BinLaden após queda de grua na Grande Mesquita de Meca

O rei da Arábia Saudita decidiu hoje sancionar a construtora BinLaden Group, responsável pela ampliação dos locais sagrados em Meca, após a queda de uma grua que provocou mais de 100 mortos na Grande Mesquita daquela cidade saudita.

Segundo a agência oficial saudita SPA, o BinLaden Group será excluído dos concursos e dos novos projetos públicos e os membros do conselho de administração da construtora ficam proibidos de sair do reino saudita até ao fim dos processos judiciais que visam a empresa, fundada na década de 1930 pelo pai do antigo líder da rede terrorista Al-Qaida.

Estas medidas foram anunciadas pelo rei Salman depois de ter conhecimento das conclusões de uma comissão de inquérito que afirmou que "a saudita BinLaden Group tinha sido parcialmente responsável" pelo acidente por "não ter respeitado as normas de segurança" no local da obra.

Na passada sexta-feira, a queda de uma grua sobre a Grande Mesquita de Meca fez pelo menos 107 mortos e cerca de 400 feridos de diferentes países.

O acidente aconteceu poucos dias antes das celebrações do haji, a peregrinação a Meca que os muçulmanos devem realizar, pelo menos, uma vez na vida.

A construtora BinLaden Group está envolvida num importante projeto de vários milhões de dólares, lançado há quatro anos, que visa ampliar em 400.000 metros quadrados a superfície da Grande Mesquita, o equivalente a 50 campos de futebol.

A ambição das autoridades sauditas é que o local consiga acolher, ao mesmo tempo, 2,2 milhões de fiéis.

Lusa

  • Catalunha vs Espanha
    29:35

    Grande Reportagem SIC

    2017 ficará como o ano da Catalunha e de como a região espanhola foi falada em todo o mundo, por causa do grito de independência que não aconteceu. O jornalista Henrique Cymerman esteve na Catalunha e foi um dos poucos repórteres do mundo que conseguiu chegar ao esconderijo do presidente demissionário do Governo catalão, Carles Puigdemont, em Bruxelas.

  • Pensões vão subir em janeiro

    Economia

    As pensões vão subir entre 1 e 1,8% em janeiro próximo. O Instituto Nacional de Estatística (INE) divulgou esta quinta-feira o valor da inflação, que vai definir a atualização das reformas em 2018.

  • Investigação australiana recomenda fim do celibato na Igreja Católica

    Mundo

    Uma investigação australiana sobre abuso sexual de crianças recomendou hoje à Igreja Católica que levante a exigência de celibato ao clero, de acordo com o relatório final. O mesmo documento, com 189 recomendações e 17 volumes, indicou que deve também ser esclarecido até onde vai o segredo da confissão quando estão em causa provas de crimes contra menores.

  • Trabalhos de estabilização de solos nas áreas ardidas começam na Lousã
    1:24

    País

    Vários concelhos afetados pelos incêndios estão a começar a receber uma intervenção de emergência para estabilizar os solos nas áreas ardidas. O trabalho arrancou esta quinta-feira na zona da Lousã e tem como objetivo reduzir o impacto da chuva nos terrenos afetados pelos fogos. Nos trabalhos, estão presentes o Grupo de Intervenção de Proteção e Socorro e a Força Especial de Bombeiros.

  • Anúncio de lince ibérico no OLX sob investigação
    1:25

    País

    A GNR está a investigar um anúncio de venda de um lince ibérico no site de classificados OLX. As autoridades admitem poder tratar-se de uma bricandeira, mas sendo o lince uma espécie protegida e a sua captura e venda um crime, o caso está a ser investigado. O anúncio foi entretanto retirado do site.