sicnot

Perfil

Mundo

Papa pede ao bispos dos EUA para acolherem os imigrantes "sem medo"

O papa Francisco pediu hoje aos bispos norte-americanos para acolherem "sem medo" os imigrantes da América Latina porque isso vai enriquecer tanto os Estados Unidos como a Igreja católica.

© POOL New / Reuters

O papa, que falava na catedral de S. Mateus, em Washington, instou por outro lado os bispos a trabalhar para que "não se repitam nunca mais" os "crimes" e os "momentos obscuros" que constituíram os abusos sexuais de menores por membros da Igreja católica dos Estados Unidos.

"Nenhuma instituição norte-americana fez mais pelos imigrantes que as comunidades cristãs", disse. "Como como um pastor do sul", disse o papa argentino, "sinto necessidade de vos encorajar".

"Talvez não seja fácil para vós ler a alma (dos imigrantes). Talvez a sua diversidade seja um desafio para vós. Mas saibam que eles também têm recursos para partilhar (...) Estou certo de que, como ocorreu tantas vezes no passado, estas pessoas vão enriquecer a América e a sua Igreja", disse.

Os imigrantes da América Latina representam cerca de 40% dos católicos no país e têm estado no centro do debate político, sobretudo entre os candidatos à nomeação republicana para as presidenciais de 2016.

O papa exortou por outro lado os bispos norte-americanos à unidade com Roma, afirmando que a Igreja "não se pode deixar partir em pedaços ou tornar-se objeto de querelas", e a aprofundarem "o diálogo" com os fiéis.

Sobre a questão dos abusos sexuais de menores, embora sem a referir especificamente, Francisco sublinhou "o valor" com que os bispos norte-americanos enfrentaram "os momentos obscuros", "sem temerem as autocríticas nem pouparem humilhações e sacrifícios" e com "generoso empenho" a favor das vítimas.

O papa Francisco pediu publicamente perdão pelos abusos sexuais cometidos por membros da Igreja católica e reforçou as sanções para os membros do clero envolvidos nesse tipo de crime.

Nos Estados Unidos, o escândalo dos abusos sexuais de menores por padres católicos rebentou nos anos 1980, desacreditando a hierarquia católica e levando à falência várias dioceses, obrigadas a pagar avultadas indemnizações a vítimas.

Lusa

  • Passos explica porque se sentiu irritado com Costa
    0:42

    Economia

    Depois das imagens em que surgiu visivelmente irritado com António Costa, no último debate quinzenal, Passos Coelho veio agora explicar porquê. Na discussão com o primeiro-ministro, o líder do PSD não gostou que Costa tivesse insinuado que a fuga de 10 mil milhões de euros para offshores tenha ocorrido por inação do Governo anterior.

  • Ferro Rodrigues desvaloriza críticas do CDS
    3:24

    Caso CGD

    Marcelo Rebelo de Sousa fez questão de receber em público Ferro Rodrigues antes de um almoço com o Presidente da Assembleia da República. O Presidente também recebeu a representante do CDS-PP, Assunção Cristas, que foi apresentar queixa de Ferro Rodrigues e da maioria de esqueda em relação à comissão de inquérito da Caixa Geral de Depósitos. Ferro Rodrigues desvalorizou as críticas de que foi alvo.

  • Regime de Pyongyang nega envolvimento na morte de Kim Jong-nam 
    1:53

    Mundo

    A polícia da Malásia diz que o irmão do líder da Coreia do Norte foi morto com uma arma química. Os investigadores encontraram vestígios de gás VX no corpo de Kim Jong-nam, um gás letal proibido pelas convenções internacionais. O Governo da Coreia do Sul pediu esta sexta-feira ao regime de Pyongyang que admita que está por detrás da morte de Kim Jong-nam mas o mesmo já veio negar o envolvimento no assassinato.