sicnot

Perfil

Mundo

Garrafa de champanhe com 100 anos vendida por 116.375 dólares nos EUA

Uma garrafa de champanhe Krug de 1915 foi vendida por 116.375 dólares num leilão em Nova Ioque, num pacote que inclui alojamento em Champagne, nordeste de França, para quatro pessoas que vão degustar a garrafa no local.

Em 2011, uma garrafa de Veuve-Clicquot 1841 foi adquirida por 30 mil euros, um montante considerado recorde. (Arquivo)

Em 2011, uma garrafa de Veuve-Clicquot 1841 foi adquirida por 30 mil euros, um montante considerado recorde. (Arquivo)

© Lehtikuva Lehtikuva / Reuters

A garrafa de champanhe vendida na sexta-feira num leilão organizado pela leiloeira Sotheby's nunca deixou a cave da casa Krug, hoje em dia controlada pelo LVMH, escreve a AFP.

O comprador da garrafa centenária, cujo nome não foi divulgado, será recebido pela casa Krug por dois dias com três convidados à sua escolha.

Em 2011, uma garrafa de Veuve-Clicquot 1841 foi adquirida por 30 mil euros, um montante considerado recorde.

Em 2008, a casa Acker Merrall & Condit tinha vendido em Nova Iorque duas garrafas de Dom Pérignon Rosé de 1959 por 84.700 dólares, mas ao câmbio da época a venda foi estimada em cerca de 54.000 euros, ou seja, menos do valor de cada garrafa Veuve-Clicquot 1841.

Lusa

  • Curiosidades sobre o Mundial da Rússia
    3:08
  • Inocência e talento marcaram o 9.º dia de Mundial
    0:56
  • Ronaldo no País dos Sovietes: Algumas curiosidades
    1:54
  • O choro intenso de Neymar explicado pelo próprio
    0:51
  • A queda aparatosa do selecionador do Brasil
    0:05
  • Dia de limpezas em Chaves após violenta tempestade
    2:44
  • Athanasia, uma mulher sem medo das alturas
    0:35

    Mundo

    É grega, chama-se Athanasia Athineau, tem 29 anos e pertence à unidade de forças especiais da Grécia. O salto que podemos ver é de 10 mil pés, mas Athanasia faz também saltos de 30 mil. Neste caso, caíu a uma velocidade de 250 quilómetros por hora antes de abrir o pára-quedas.

  • Talheres de Hitler vendidos por 14 mil euros

    Mundo

    Um conjunto de duas facas, três colheres e três garfos de prata, que pertencia a Adolf Hitler, foi vendido em Dorset, Inglaterra, pelo valor de 12.500 libras (aproximadamente 14.200 euros). O serviço de talheres foi criado no âmbito das celebrações do 50.º aniversário do ditador nazi.

    SIC