sicnot

Perfil

Mundo

Índia coloca em órbita primeiro satélite astronómico

A agência espacial da Índia colocou hoje em órbita, com sucesso, o seu primeiro satélite Astrosat, com capacidade para observar diferentes objetos estrelares de forma simultânea.

Lançamento do Astrosat da Índia

Lançamento do Astrosat da Índia

Reuters TV

O lançamento foi realizado pelo veículo polar PSLV-C30 às 10:00 locais (05:30 em Lisboa), desde uma plataforma na base de Sriharikota, no Estado oriental de Andhra Pradesh, informou hoje a Organização da Investigação Espacial da Índia (ISRO).

"O PSLV-C30 colocou em órbita, com êxito, o Astrosat", informou a ISRO, na sua conta oficial na rede social Twitter.

O Astrosat, de 1.513 quilos, tem como missão "fazer compreender de forma mais detalhada o Universo", segundo explica a ISRO no site da Internet criado para acompanhar as descobertas do satélite astronómico.

Entre os objetivos concretos do Astrosat está o de aprofundar o conhecimento dos "sistemas binários estrelares" -- duas estrelas que giram em torno uma da outra --, um aspeto muito relevante para compreender a evolução das estrelas.

O lançamento do Astrosat acontece cinco dias depois de a sonda indiana Mangalyaan cumprir um ano em órbita em torno de Marte, um feito tecnológico que nenhum outro país asiático alcançou e que só foi conseguido pelos Estados Unidos, pela Rússia e pela Europa.

A Índia conta com um dos programas especiais mais ativos do mundo, com o lançamento, até ao momento, de mais de 100 missões desde a sua fundação, há pouco mais de meio século.

Lusa

  • Samaris suspenso por três jogos

    Desporto

    O internacional grego do Benfica Samaris foi castigado com três jogos de suspensão pelo Conselho de Disciplina da Federação Portuguesa de Futebol, após ter sido instaurado um auto de flagrante delito por parte da Comissão de Instrutores.

    Em atualização

  • Costa de Metro de Odivelas para Lisboa para relembrar corrida entre burro e Ferrari
    2:55

    Autárquicas 2017

    António Costa começou hoje o dia de campanha em Odivelas, para uma viagem de Metro até Lisboa, em que recordou a célebre corrida entre um burro e um Ferrari que protagonizou em 1993 quando foi canditado do PS à Câmara de Loures. Foi nesta cidade, onde ontem à noite, que desferiu um violento ataque a Pedro Passos Coelho, acusando-o de transformar o PSD num partido que não é digno de um Estado democrático.

  • O aeroporto de Beja, um "elefante branco" na planície alentejana
    4:33
  • Paciente há 15 anos em estado vegetativo consegue seguir objetos e mexer a cabeça

    Mundo

    Um homem de 35 anos, que ficou em estado vegetativo após um acidente de viação há 15 anos, deu sinais de consciência depois de lhe ter sido aplicada uma nova técnica de estimulação nervosa. Cirurgiões implantaram no paciente um pequeno aparelho que estimula o nervo vago, responsável pela ligação nervosa entre o cérebro e o resto do corpo. A intervenção aconteceu em França e a descoberta foi publicada na revista científica Current Biology.