sicnot

Perfil

Mundo

Governo iraquiano abre "zona verde" de Bagdade à população

O primeiro-ministro iraquiano Haider al-Abadi anunciou este domingo a abertura ao público da "zona verde", perímetro em Bagdade com alta segurança onde se encontra a sede do governo e várias embaixadas.

(Arquivo)

(Arquivo)

© POOL New / Reuters

Ocupada após a invasão de 2003 pelas forças norte-americanas e a embaixada dos Estados Unidos, esta zona com 10 quilómetros quadrados no coração de Bagdade era considerada pelos iraquianos como um símbolo da ocupação americana.

"O primeiro-ministro abriu a zona verde à circulação de pessoas e de veículos", indica um comunicado divulgado pelo gabinete do chefe do Governo, acrescentando que representa o cumprimento de uma promessa feita à população.

Antes da invasão do Iraque pelos norte-americanos, esta zona acolhia o então presidente Saddam Hussein e outros responsáveis do regime, que viviam em palácios faustosos.

Estes palácios foram depois ocupados por forças estrangeiras e pela nova classe política iraquiana, que é atualmente acusada de corrupção generalizada.

As forças norte-americanas retiraram-se do Iraque no final de 2011.

Lusa

  • "Ataque terrorista" no centro de Barcelona

    Ataque em Barcelona

    Uma carrinha atropelou várias pessoas esta tarde em Barcelona, Espanha, na área turística de Las Ramblas. A polícia confirma oficialmente um morto e 32 feridos, mas outras fontes asseguram a existência de várias vítimas mortais. As autoridades falam de um "ataque terrorista" e revelaram a foto do suspeito.

    Direto

    SIC

  • Mação volta a enfrentar dias de pânico
    3:33
  • Fogo obrigou à evacuação de 6 aldeias do concelho do Sardoal
    1:56

    País

    O incêndio que chegou ao Sardoal obrigou à evacuação de seis aldeias. As pessoas foram encaminhadas para as instalações da Santa Casa da Misericórdia e vão regressando ao longo do dia de hoje. A A23 foi reaberta de madrugada, depois de ter estado várias horas cortada nos dois sentidos .

  • Ministra admite que a maioria dos incêndios começaram por mão humana
    1:57

    País

    A Ministra da Administração Interna admitiu esta quarta-feira que a maioria dos incêndios deste ano começaram por mão humana, mas Constança Urbano de Sousa entende que é cedo para tirar outras conclusões. Já o vice-presidente da Liga dos Bombeiros Portugueses, Adelino Gomes, diz que não há duvidas e fala em terrorismo organizado. 

  • Sismo na região de Lisboa sentido num raio de 150km
    3:19