sicnot

Perfil

Mundo

Governo iraquiano abre "zona verde" de Bagdade à população

O primeiro-ministro iraquiano Haider al-Abadi anunciou este domingo a abertura ao público da "zona verde", perímetro em Bagdade com alta segurança onde se encontra a sede do governo e várias embaixadas.

(Arquivo)

(Arquivo)

© POOL New / Reuters

Ocupada após a invasão de 2003 pelas forças norte-americanas e a embaixada dos Estados Unidos, esta zona com 10 quilómetros quadrados no coração de Bagdade era considerada pelos iraquianos como um símbolo da ocupação americana.

"O primeiro-ministro abriu a zona verde à circulação de pessoas e de veículos", indica um comunicado divulgado pelo gabinete do chefe do Governo, acrescentando que representa o cumprimento de uma promessa feita à população.

Antes da invasão do Iraque pelos norte-americanos, esta zona acolhia o então presidente Saddam Hussein e outros responsáveis do regime, que viviam em palácios faustosos.

Estes palácios foram depois ocupados por forças estrangeiras e pela nova classe política iraquiana, que é atualmente acusada de corrupção generalizada.

As forças norte-americanas retiraram-se do Iraque no final de 2011.

Lusa

  • Avioneta despenha-se em centro comercial de Melbourne

    Mundo

    Uma avioneta com cinco pessoas a bordo caiu num centro comercial perto do aeroporto de Essendon em Melbourne. Segundo a polícia do estado de Vitória tratava-se de um voo charter com destino a King Island, situada entre a parte continental da Austrália e a ilha da Tasmânia.

  • Jornalista bielorrusso come jornal após perder aposta

    Desporto

    Vyacheslav Fedorenko, editor de desporto de um importante jornal da Bielorrúsia, apostou que o Dinamo Minsk não chegaria aos play-offs da Kontinental Hockey League (KHL), uma liga internacional dominada por equipas russas. Perdeu e acabou a comer as próprias palavras, impressas em papel.

  • Acha que conhece o seu país?
    27:42