sicnot

Perfil

Mundo

Papa defende a indissolubilidade do casamento e condena o divórcio

O Papa defendeu hoje a indissolubilidade do casamento e condenou o divórcio, ao inaugurar num tom muito severo o Sínodo dos Bispos sobre a família, "num contexto social e matrimonial muito difícil".

© Alessandro Bianchi / Reuters

Jorge Bergoglio, particularmente preocupado, comentou o evangelho numa Basílica de São Pedro completamente cheia, na abertura deste sínodo, que durará até 25 de outubro.

O papa reafirmou fortemente o dogma católico sobre o casamento, necessariamente celebrado entre um homem e uma mulher.

O que Deus uniu, o homem não pode separar, disse, citando o evangelho. Concretamente, "Deus uniu os corações de duas pessoas que se amam (...) na unidade e indissolubilidade", reafirmou o papa, num discurso muito firme, que deverá tranquilizar os mais conservadores no seio da Igreja.

E este casal não pode ser senão formado por um homem e uma mulher, segundo o pontífice. "Este é o sonho de Deus para sua bem amada criação: a vida a realizar-se na união de amor entre um homem e uma mulher", acrescentou Bergoglio.

A reafirmação desta "verdade" da Igreja acontece 24 horas depois da revelação de um destacado dignitário do Vaticano, que no sábado revelou a sua homossexualidade e denunciou "a homofobia institucionalizada" na Igreja Católica.

O Vaticano condenou imediatamente o gesto deste padre polaco, Krysztof Olaf Charamsa, qualificando-o de "muito grave e irresponsável", e afastou-o das funções que exercia junto da Congregação para a Doutrina da Fé, encarregue de zelar pelo bom respeito do dogma católico, à qual pertencia desde 2003.

Lusa

  • Ministro garante segurança nas escolas com uso de poliuretano
    0:52

    País

    O ministro da Educação garante que as escolas estão em segurança e que não há perigo com um material como o poliuretano. Tiago Brandão Rodrigues respondia, esta quarta-feira, a uma pergunta dos Verdes sobre a substituição de amianto nas escolas.

  • Estoril garante que estrutura da bancada não está em causa
    2:23

    Desporto

    O Laboratório Nacional de Engenharia Civil deverá emitir esta quinta-feira um parecer preliminar sobre a bancada norte do estádio do Estoril-Praia. O clube garante que a estrutura não está em causa e que, tal como a câmara de Cascais, aguarda por conclusões para uma edificação feita no vale da Amoreira.

  • Ronaldo estará mesmo de saída do Real Madrid
    2:01
  • Encontradas 86 pedras preciosas numa casa em Albufeira
    0:48
  • Polícia descobre arte de esconder 750 quilos de droga em ananases
    2:25
  • Moscovo só teve seis minutos de luz solar em dezembro

    Mundo

    Os portugueses estão tão habituados ao sol, que nunca imaginariam passar um mês inteiro sem ele. O fenómeno aconteceu na capital russa. Moscovo bateu o recorde em dezembro, quando passou o mês inteiro sem luz solar direta. As pessoas de Moscovo viram o sol apenas durante seis minutos e a espreitar timidamente por entre as nuvens.

  • A maior lua de Saturno tem nível do mar tal como a Terra

    Mundo

    Titã, a maior lua de Saturno, tem uma altura média da superfície do mar, tal como a Terra, revela um estudo divulgado esta quarta-feira, que se baseia em observações feitas pela sonda norte-americana Cassini, cuja missão terminou em setembro.