sicnot

Perfil

Mundo

França lança segundo ataque ao estado islâmico na Síria

A França fez o segundo ataque aéreo contra o grupo estado islâmico na Síria durante a noite de quinta-feira e a madrugada de hoje, anunciou o ministro da Defesa francês, Jean-Yves Le Drian.

Hadi Al-Abdallah

"Dois [aviões] Rafale lançaram bombas sobre um campo de treino [do estado islâmico]. Os objetivos foram cumpridos", declarou Drian à rádio Europe 1, acrescentando que outras operações se seguirão.

O primeiro bombardeamento francês na Síria aconteceu no final de setembro.

A guerra na Síria já dura há mais de quatro anos e já provocou milhares de mortos e milhões de deslocados.

Lusa

  • Moscovo desmente ter atingido Irão

    Mundo

    Moscovo desmentiu ter atingido o Irão com quatro mísseis de cruzeiro contrariando, assim, a informação divulgada pelos EUA que assegura que a ofensiva tinha a Síria como alvo mas não correu como o previsto.

  • Manuel Valls diz que Trump fez declaração de guerra à Europa

    Mundo

    O antigo primeiro-ministro francês Manuel Valls, aspirante a candidato socialista às presidenciais deste ano, considerou esta segunda-feira como uma "declaração de guerra" as afirmações do futuro Presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, sobre a União Europeia.

  • Morreu o último homem que pisou a Lua

    Mundo

    O astronauta norte-americano Eugene Cernan, o último homem a pisar a Lua, morreu esta segunda-feira aos 82 anos, informou a agência espacial norte-americana, NASA.

  • Novo motim em prisão brasileira do Rio Grande do Norte

    Mundo

    Um motim ocorreu esta segunda-feira de madrugada numa prisão do estado brasileiro de Rio Grande do Norte, sem fazer feridos ou mortos, depois de uma rebelião numa outra prisão do mesmo estado ter feito 26 mortos no fim de semana.

  • Cheias e derrocadas destroem várias casas no Peru
    0:42

    Mundo

    Um deslizamento de terras seguido de uma inundação destruiu várias casas no Peru. As imagens mostram o momento em que o deslizamento acontece e o caos que se gerou. O trânsito ficou cortado e as inundações que se seguiram obrigaram várias pessoas a abandonar as suas habitações.